Dos conteúdos de ensino à dinâmica do conhecimento: uma aventura pedagógica na “Floresta Matemática”

José Carlos Cifuentes

Resumo


Este artigo visa propor uma abordagem dos “conteúdos matemáticos” nas licenciaturas para desenvolver o que chamaremos o seu ‘sentido pedagógico’. Isto se consegue aprimorando a sensibilidade sobre formas do pensamento matemático que não se reduzem a técnicas e algoritmos, que não se reduzem à lógica do processo matemático, mas que são importantes para uma “boa” formação matemática de um professor; e também através de uma visão diferente da história da matemática, a sua “historicidade”, que com seu caráter epistemológico põe em evidência a dinamicidade do conhecimento matemático.


Palavras-chave


Conteúdos de Ensino; Sentido Pedagógico dos Conteúdos; Formação Matemática do Professor; Floresta Matemática; História e Historicidade da Matemática

Texto completo:

PDF/A


DOI: https://doi.org/10.5007/1981-1322.2016v11nespp47

Indexadores, diretórios e base de dados:

                                                                     

 

REVEMAT: R. Eletr. Educ. Mat., UFSC/MTM/PPGECT, Florianópolis, SC, Brasil, eISSN 1981-1322.
 
 

 Licença Creative Commons
Está licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.