Redes de aprendizagem: uma proposta metodológica no ensino de acionistas e executivos

Autores

  • Daniel Jardim Pardini FACE-FUMEC / MG
  • Antônio Batista da Silva Júnior Fundação Dom Cabral – FDC / MG
  • Carlos Alberto Gonçalves FACE-FUMEC / MG
  • Pedro Antônio de Melo Universidade Federal de Santa Catarina

DOI:

https://doi.org/10.5007/2175-8077.2012v14n33p25

Palavras-chave:

Redes de Aprendizagem, Educação Construtivista, Ensino e Aprendizado de executivos

Resumo

Este artigo objetiva analisar a dinâmica de funcionamento das redes de aprendizagem empresarial e os diferenciais dessa prática metodológica para outros modelos de ensino convencionais. A revisão epistemológica das teorias de aprendizagem e da psicologia educacional permitiu identificar o construtivismo coletivo (LAROCHELLE et al., 1998) como a abordagem que mais se aproxima das concepções do ensino no formato de rede. Para entender de que maneira são planejadas e organizadas as redes e suas distinções para outros tipos de cursos direcionados a executivos utilizou-se os métodos de estudo de caso e análise temática. O estudo contribui para evidenciar as diferenças das redes de aprendizagem empresarial, ainda pouco difundidas no Brasil, para os métodos tradicionais de ensino ministrados em curso de pós-graduação abertos ao público e in company para complementação e atualização de aprendizado na função diretiva empresarial.

Biografia do Autor

Daniel Jardim Pardini, FACE-FUMEC / MG

Programa de Doutorado e Mestrado em Administração da FACE-FUMEC / MG

Antônio Batista da Silva Júnior, Fundação Dom Cabral – FDC / MG

Fundação Dom Cabral – FDC / MG

Carlos Alberto Gonçalves, FACE-FUMEC / MG

Programa de Doutorado e Mestrado em Administração da FACE-FUMEC / MG

Pedro Antônio de Melo, Universidade Federal de Santa Catarina

Professor do Programa de Pós-Graduação em Administração da UFSC.

Downloads

Publicado

2012-07-17

Edição

Seção

Artigos