Constituição da micobiota aérea de bibliotecas públicas no município de Fortaleza, Estado do Ceará, Brasil

Autores

  • Lydia Dayanne Maia Pantoja Universidade Federal do Ceará - UFC
  • Roberta Silva Rizzo Universidade Estadual do Ceará.
  • Bruno Silva Carvalho Universidade Estadual do Ceará.
  • Victor Conde Ferreira Universidade Estadual do Ceará.
  • Kandarpa Silva Galas Universidade Estadual do Ceará.
  • Francisco Rafael Marciano Fonseca Universidade Estadual do Ceará.
  • Germana Costa Paixão Universidade Estadual do Ceará.

DOI:

https://doi.org/10.5007/1518-2924.2012v17n34p31

Palavras-chave:

Qualidade do ar, Bibliotecas, Micobiota.

Resumo

Estudos da qualidade do ar de diferentes tipos de ambientes fechados vêm merecendo atenção, devido principalmente à grande quantidade de substratos favoráveis à ação de agentes biodegradadores, como os fungos anemófilos, sobre os acervos escritos e digitais. A presente pesquisa identificou e monitorou a micobiota aérea de 04 bibliotecas públicas de referência no município de Fortaleza-CE, durante 24 meses (janeiro/2009 a dezembro/2010). A coleta foi realizada pelo método da sedimentação passiva das partículas presentes no ar em placas de Petri contendo Ágar Batata Dextrose (Himedia®). Essas placas foram dispostas, bimestralmente, em diversos setores das bibliotecas: acervo de obras, área de pesquisa, sala de leitura, sala de documentos históricos e em áreas administrativas (secretaria), perfazendo 240 amostras. As placas foram incubadas por 7 dias (26 – 28 °C) com posterior contagem global e identificação das colônias fúngicas baseada nas análises macro e micromorfológicas. Nas bibliotecas A, B, C e D foram contabilizadas 3.347, 5.874, 6.328 e 5.333 colônias fúngicas, respectivamente e identificados 61 diferentes achados fúngicos (34 gêneros e 27 espécies fúngicas), com destaque para os hialomicetos Aspergillus e Penicillium. Os dados revelaram alguns agrupamentos com forte correlação, isto é, quando um dos achados fúngicos ocorre, os demais achados do agrupamento também podem estar presentes no ar analisado, a saber: Biblioteca A (Penicillium sp., Aspergillus niger, Aspergillus sp. e Aspergillus flavus), Biblioteca B (Aspergillus niger e A. flavus), Biblioteca C (Penicillium sp., Trichoderma sp. e A. niger) e Biblioteca D (Penicillium sp. e A. niger). A pesquisa também permitiu oferecer aos gestores das bibliotecas, elementos para aprofundar seus conhecimentos na área de preservação e conservação de obras literárias de inestimável valor.

Biografia do Autor

Lydia Dayanne Maia Pantoja, Universidade Federal do Ceará - UFC

Departamento de Pós Graduação em Engenharia Civil (Saneamento Ambiental), Universidade Federal do Ceará. Laboratório de Microbiologia - LAMIC, Curso de Ciências Biológicas, Universidade Estadual do Ceará.

Roberta Silva Rizzo, Universidade Estadual do Ceará.

Laboratório de Microbiologia - LAMIC, Curso de Ciências Biológicas, Universidade Estadual do Ceará.

Bruno Silva Carvalho, Universidade Estadual do Ceará.

Laboratório de Microbiologia - LAMIC, Curso de Ciências Biológicas, Universidade Estadual do Ceará.

Victor Conde Ferreira, Universidade Estadual do Ceará.

Laboratório de Microbiologia - LAMIC, Curso de Ciências Biológicas, Universidade Estadual do Ceará.

Kandarpa Silva Galas, Universidade Estadual do Ceará.

Laboratório de Microbiologia - LAMIC, Curso de Ciências Biológicas, Universidade Estadual do Ceará.

Francisco Rafael Marciano Fonseca, Universidade Estadual do Ceará.

Laboratório de Microbiologia - LAMIC, Curso de Ciências Biológicas, Universidade Estadual do Ceará.

Germana Costa Paixão, Universidade Estadual do Ceará.

Docente do Curso de Ciências Biológicas, Universidade Estadual do Ceará. Laboratório de Microbiologia - LAMIC, Curso de Ciências Biológicas, Universidade Estadual do Ceará.

Downloads

Publicado

2012-08-05

Como Citar

Pantoja, L. D. M., Rizzo, R. S., Carvalho, B. S., Ferreira, V. C., Galas, K. S., Fonseca, F. R. M., & Paixão, G. C. (2012). Constituição da micobiota aérea de bibliotecas públicas no município de Fortaleza, Estado do Ceará, Brasil. Encontros Bibli: Revista eletrônica De Biblioteconomia E Ciência Da informação, 17(34), 31-41. https://doi.org/10.5007/1518-2924.2012v17n34p31

Edição

Seção

Artigo