O entendimento dos estudantes sobre energia no início do ensino médio

Autores

  • João Paulino Vale Barbosa UFMG - Minas Gerais
  • Antônio Tarciso Borges UFMG - Minas Gerais

DOI:

https://doi.org/10.5007/%25x

Resumo

Energia é uma das idéias centrais dos currículos de ciências na educação básica. A literatura sobre o tema é extensa, mas pouco esclarecedora. O tema é considerado como difícil de ser ensinado e aprendido, por ser usado em várias disciplinas que enfatizam usos e aspectos distintos do conceito. A idéia de energia é também amplamente utilizada na linguagem cotidiana, confundindo-se com idéias como as de força e potência. A aprendizagem do significado de energia em Física requer abstração e conhecimentos específicos de suas várias áreas, como mecânica, eletricidade, termodinâmica. Este trabalho relata parte de uma pesquisa desenvolvida no escopo de um projeto mais amplo, em que desenhamos uma seqüência didática para o ensino de energia para estudantes do primeiro ano do ensino médio de uma escola pública. Desenvolvemos um ambiente de aprendizagem para auxiliar os estudantes a explicitarem e revisarem seus modelos de energia , incentivando o trabalho em grupo e discussões em sala de aula. Aqui analisamos apenas os modelos de energia dos estudantes que identificamos na fase preliminar à intervenção que desenvolvemos e implementamos.

Biografia do Autor

João Paulino Vale Barbosa, UFMG - Minas Gerais

Graduação em Física (Licenciatura) pela Universidade Federal de Minas Gerais (1998). Pós-graduado em Ensino de Ciências (latu senso) e Mestre em Educação pela Universidade Federal de Minas Gerais, com a dissertação "Modelos mentais de energia" (2003).

Mais informações: Currículo Lattes - CNPq.

Antônio Tarciso Borges, UFMG - Minas Gerais

Bacharelado e Licentiatura em Física pela Universidade Federal de Minas Gerais (1977, 1978), Mestrado em Física pela Universidade Federal de Minas Gerais (1982) e Doutorado em Educação em Ciências - University of Reading (1996).

Mais informações: Currículo Lattes - CNPq.

Downloads

Publicado

2008-09-02

Edição

Seção

Artigos