Da pedagogia crítica à pedagogia crítica: o movimento de elaboração de uma proposta de ensino de Educação Física

Carolina Picchetti Nascimento, Breno Francesconi Felicio

Resumo


Neste texto, analisamos o processo de elaboração de uma proposta de ensino para Educação Física fundamentada na perspectiva da pedagogia crítica. Destacam-se nessa análise três processos: 1) a articulação dos princípios pedagógicos e formativos à dinâmica de ensino e aprendizagem; 2) a definição e elaboração dos conhecimentos próprios da Educação Física; 3) a conceituação e organização do trabalho com os temas. As discussões apresentadas buscam contribuir para o desenvolvimento da perspectiva crítica na Educação Física a partir da sistematização de princípios pedagógicos que orientem o trabalho docente para a elaboração de unidades didáticas e de suas respectivas aulas.


Palavras-chave


Ensino; Educação física escolar; Cultura corporal

Texto completo:

PDF/A

Referências


AYOUB, Eliana. Narrando experiências com a Educação física na educação infantil. Revista Brasileira de Ciências do Esporte, Campinas, v. 26, n. 3, p. 143-158, maio 2005.

BRACHT, Valter. A constituição das teorias pedagógicas da educação física. Cadernos CEDES, Campinas, v. 19, n. 48, p. 69-88, ago. 1999.

CASTELLANI FILHO, Lino. Educação física no Brasil: a história que não se conta. Campinas, SP: Papirus, 1988.

CERENCIO, Marcela Moreira et al. Da teoria crítica à teoria crítica: o movimento de elaboração de uma proposta curricular de educação física infantil. In: II Seminário de Metodologia do Ensino de Educação Física da FEUSP, 2008, São Paulo. Anais... São Paulo: FEUSP, 2008. 1 CD-ROM

COLETIVO DE AUTORES. Metodologia do ensino da Educação Física. São Paulo: Cortez. 1992.

DAVIDOV, Vasili Vasilievich. La enseñanza escolar y el desarrollo psíquico: investigación teórica y experimental. Moscou: Editorial Progreso, 1988.

DUARTE, Newton. A individualidade para-si: contribuição a uma teoria histórico-social da formação do indivíduo. Campinas, SP: Autores Associados, 1993.

FREIRE, Paulo. Pedagogia do oprimido. 17. ed. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1987.

GHIRALDELLI JUNIOR, Paulo. Educação física progressista: a pedagogia crítico-social dos conteúdos e a Educação Física Brasileira. São Paulo: Loyola, 1989.

KOPNIN, Pavel Vassílyevitch. A dialética como lógica e teoria do conhecimento. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 1978.

KOSIK, Karel. Dialética do concreto. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1976.

LEONTIEV, Alexei Nikolaevich. Actividad, conciencia y personalidad. Havana: Pueblo y educación, 1983.

MAKARENKO, Anton. Poema pedagógico, v. 3. São Paulo: Brasiliense, 1986.

MARX, Karl. Manuscritos econômico-filosóficos. São Paulo: Boitempo, 2004.

MARX, Karl; ENGELS, Friedrich. A ideologia alemã. São Paulo: Boitempo, 2007.

NASCIMENTO, Carolina Picchetti. A organização do ensino e a formação do pensamento estético-artístico na teoria histórico-cultural. 2010. 249f. Dissertação (Mestrado em Educação) – Faculdade de Educação, Universidade de São Paulo, São Paulo.

OLIVEIRA, Betty Antunes de. A dialética do singular-particular-universal. In: ABRANTES, Ângelo Antonio; SILVA, Nilma Renildes da; MARTINS, Sueli Terezinha Ferreira (orgs.). Método histórico-social na psicologia social. Petrópolis, RJ: Vozes, 2005.

PISTRAK, Moisey Mikhaylovich. Fundamentos da escola do trabalho. São Paulo: Expressão Popular, 2003.

SAVIANI, Dermeval. Pedagogia histórico–crítica: primeiras aproximações. Campinas, SP: Autores Associados, 1995.

SAVIANI, Dermeval. A nova lei da educação: trajetória, limites e perspectivas. 8. ed. Campinas, SP: Autores Associados, 2003.

SILVA, Tomaz Tadeu da. Documentos de identidade: uma introdução às teorias do currículo. Belo Horizonte: Autêntica, 2002.

SOUZA JÚNIOR, Marcílio et al. Coletivo de Autores: a cultura corporal em questão. Revista Brasileira de Ciências do Esporte, Florianópolis, v. 33, n. 2, p.391-411, abr./jun. 2011.

TAFFAREL, Celi Nelza Zülke. Criatividade nas aulas de Educação Física. Rio de Janeiro: Ao Livro Técnico, 1985.

VIGOTSKI, Lev Semenovitch. A construção do pensamento e da linguagem. São Paulo: Martins Fontes, 2009.

VIGOTSKY, Lev Semenovitch. Imaginación y creación en la edad infantil. Havana: Pueblo y Educacion, 2004.

VYGOTSKI, Lev Semenovitch. Obras escogidas. Tomo V. Madri: Visos, 1997.




DOI: https://doi.org/10.5007/2175-8042.2019e55580



R. Motriviv., Florianópolis, Santa Catarina, Brasil, ISSNe: 2175-8042.

Os textos publicados na Revista Motrivivência estão licenciados com uma Licença Creative Commons de atribuição não comercial compartilhar igual: CC BY-NC-SA