O circo na educação infantil: vivências e representações artísticas

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5007/2175-8042.2019e60124

Palavras-chave:

Educação infantil, Educação Física, Circo, Desenho

Resumo

O circo sempre fez parte do mundo infantil, despertando magia, alegria e sonhos. Este estudo analisou representações e apropriações das crianças sobre o circo, a partir de seus próprios desenhos, elaborados numa proposta de atividades circenses. Consistiu num estudo de caso, com 21 crianças de uma escola de Educação Infantil, com idade entre 4 a 5 anos. Observou-se que antes da proposta a estrutura externa do circo, a lona, foi o elemento mais representado pelas crianças, sugerindo este fato, que embora algumas crianças nunca tivessem presenciado um espetáculo de circo, conheciam sua estrutura física que em algum momento lhes foi apresentada. Após 12 sessões da proposta pedagógica, a lona do circo deixou de ser o elemento mais representado, surgindo protagonistas, como o malabarista e o mágico. Ficou evidenciado que vivências corporais e o diálogo permitiram ressignificar o circo na Educação Infantil.

Biografia do Autor

Hugo Cavalcante Vasques, Universidade Estadual de Campinas

Licenciado em Educação Física pela Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Atualmente é Integrante do Programa de Educação Tutorial (PET) e Grupo de Estudos em Educação Física no Desenvolvimento Infantil (GEEFIDI) da mesma instituição. Tem experiência na área de Educação, com ênfase em Educação Física. Participa de projetos científicos desenvolvidos na Educação Infantil especificamente na temática "interdisciplinaridade".

Giovanna Sayuri Garbelini Ota, Universidade Estadual de Campinas

Licenciada em Educação Física pela Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Atualmente, mestranda em Educação Física na área de 'Educação Física e Sociedade' na mesma instituição. Participa do Grupo de Estudos em Educação Física no Desenvolvimento Infantil (GEEFIDI) e desenvolve projetos com enfasê na Educação Infantil e Interdisciplinaridade.

Ademir De Marco, Universidade Estadual de Campinas

Professor Titular da Faculdade de Educação Física da Universidade Estadual de Campinas. Possui Licenciatura em Psicologia pela Universidade Metodista de Piracicaba (1979) e Formação de Psicólogo pela mesma instituição em 1980. Especialização em Neuroanatomia e Órgãos Sensoriais pelo IB/Unicamp/CNPq em 1985, Mestrado em Anatomia Humana pela Universidade Estadual de Campinas (1985) e Doutorado em Anatomia/Neuroanatomia Humana pelo ICB da Universidade de São Paulo (1990). Tem experiência na área de Morfologia, com ênfase em Anatomia/Neuroanatomia, atuando principalmente nos seguintes temas; neuropsicologia, mecanismos neurais da aprendizagem com ênfase ao desenvolvimento infantil na área da Educação Física. Desenvolve pesquisas no âmbito da Educação Infantil e do Ensino Fundamental, com objetivos de investigar a importância do movimento humano em seus vários aspectos e contextos, estabelecendo interrelações com o desenvolvimento integral da criança. É coordenador do GEEFIDI - Grupo de Estudos de Educação Física no Desenvolvimento Infantil - desde 2007 - vinculado ao Departamento de Educação Física e Humanidades e Tutor do Programa de Educação Tutorial - PET/ FEF/UNICAMP - desde 2010.

Referências

BORTOLETO, Marco Antonio Coelho; SILVA, Erminia. Circo: Educando entre as gretas. Rascunhos, v.4 n.2, p.104-117, 2017.

BORTOLETO, Marco. Antonio. Coelho; PINHEIRO, Pedro Henrique Godoy Gandia; PRODÓCIMO, Elaine. Jogando com o circo. São Paulo: Fontoura, 2011.

CARAMÊS, Aline Souza; KRUG, Hugo Norberto; TELLES, Cassiano; DA SILVA, Daiane Oliveira. Atividades circenses no âmbito escolar enquanto manifestação de ludicidade e lazer. Motrivivência, v.14 n.39, p. 177-185, 2012.

DA SILVA, Daiane Oliveira et al. O circo na escola: um relato de experiência dos professores. Revista Didática Sistêmica, v. 16, n. 2, p. 84-92, 2014.

DE MARCO, Ademir. Circo, desenvolvimento e educação infantil. In: BORTOLETO, Marco. Antonio. Coelho; ONTAÑÓN BARRAGAN, Teresa; SILVA, Erminia. Circo: horizontes educativos. Campinas: Autores Associados, 2016.

DOMINGUEZ, Celi Rodrigues Chaves; TRIVELATO, Silvia Luiza Frateschi. Young children in the expressing meaning about butterflies: how do they use languages. Ciênc. educ. (Bauru), Bauru, v. 20, n. 3, p. 687-702, Sept. 2014.

DUPRAT, Rodrigo Mallet; BORTOLETO, Marco. Antonio. Coelho. Educação Física escolar: pedagogia e didática das atividades circenses. Revista Brasileira de Ciências do Esporte, v. 28, n. 2, 2007.

ELALI, Gleice Azambuja. O ambiente da escola – o ambiente na escola: uma discussão sobre a relação escola–natureza em educação infantil. Estudos de Psicologia, 8(2), 309-319, 2003.

GARANHANI, Marynelma Camargo. A Educação Física na Educação Infantil: uma proposta em construção. In: FILHO, Nelson. Figueiredo. Andrade.; SCHNEIDER, Omar. Educação Física para a Educação Infantil: conhecimento e especificidade. Sergipe: Editora da UFSE, 2009.

GOLDBERG, Luciane Germano; YUNES, Maria Angela Mattar; FREITAS, José Vicente. O desenho infantil na ótica da ecologia do desenvolvimento humano. Psicologia em Estudo, Maringá, v. 10, n. 1, p. 97-106, jan./abr. 2005.

KRONBAUER, Gláucia Andreza; NASCIMENTO, Maria Isabel Moura. O circo e suas miragens: A Escola Nacional do Circo e a história dos espetáculos na produção acadêmica brasileira. Revista HISTEDBR On-Line, v. 13, n. 52, p. 238-249, 2013.

NATIVIDADE, Michelle Regina; COUTINHO, Maria Chalfin; ZANELLA, Andréa Vieira. Children's drawing in research: a historical-cultural analysis. Contextos Clínic, São Leopoldo, v. 1, n. 1, p. 9-18, 2008.

ONTAÑÓN, Teresa. Atividades circenses na educação física escolar: Equilíbrios e desequilíbrios pedagógicos. (Dissertação de Mestrado). Universidade Estadual de Campinas, Campinas, 2012.

ONTAÑÓN, Teresa; DUPRAT, Rodrigo. Mallet; BORTOLETO, Marco. Antonio. Coelho. Educação física e atividades circenses: "O estado da arte". Movimento, v. 18 n. 2, p.149-168, 2012.

SILVA, Lisandra Oliveira; MARTINELLI, Rafael. O circo itinerante: compartilhando experiências de estágio de educação física na educação infantil. Cadernos de Formação RBCE, v. 7, n. 2, 2017.

TAKAMORI, Flora Sumie; BORTOLETO, Marco Antonio Coelho; LIPORONI, Maikon Oliveira; PALMEN, Mario Johannes Henricus; DI CAVALLOTTI, Thais. Abrindo as portas para as atividades circenses na Educação Física escolar: um relato de experiência. Pensar a Prática, v. 13, n. 1, 2010.

VYGOTSKY, Lev Semyonovich. Pensamento e linguagem. São Paulo: Martins Fontes, 2009.

VYGOTSKY, Lev Semyonovich. A formação social da mente. São Paulo: Martins Fontes, 2007.

YIN, Robert K. Estudo de Caso-: Planejamento e Métodos. Bookman editora, 2015.

Downloads

Publicado

2019-09-24