Percursos e percalços do sargento Prestes de Paula: trajetória de um militar comunista em busca de entrosamento social no Brasil Republicano.

Autores

  • Lucas Porto Marchesini Torres Unicamp

DOI:

https://doi.org/10.5007/1984-9222.2016v8n16p33

Resumo

Recorrendo a variadas fontes (entrevistas, processos judiciais, arquivos de polícia, correspondências privadas, etc.) o artigo reconstrói a trajetória de Antônio Prestes de Paula (1927-2004). Em meados da década de 1940, Prestes atuava na Juventude do PCB até ingressar na carreira militar, se afastando da militância político-partidária. Nos anos 1961-3 foi uma liderança do Movimento dos Sargentos, quando se reaproximou do PCB. Liderou o levante dos argentos (Brasília, 1963) e por isso terminou expulso da Aeronáutica e preso. Após o Golpe de 64 uniu-se na prisão a marinheiros e presos comuns para fundar o Movimento de Ação Revolucionária, grupo de luta armada contra a ditadura (1964-1985). Escapou em 1969 e se filiou ao Partido Comunista Brasileiro Revolucionário (PCBR). Por sua militância clandestina precisou exilar-se primeiro no Chile e depois na França. Em 1980 retornou ao Brasil, reassumindo suas atividades no PCBR e também se filiando ao Partido dos Trabalhadores. Prestes manteve essa dupla militância até que foi preso pelo envolvimento em assaltos a banco na Bahia.

Biografia do Autor

Lucas Porto Marchesini Torres, Unicamp

Doutorando em História Social/Unicamp.

Referências

Brasil Revolucionário, São Paulo, ano III, n. 10, maio/jun./jul. 1992.

DELLA VECHIA, Renato da Silva. "Origem e Evolução do Partido Comunista Brasileiro Revolucionário (1967-1973)". (Dissertação de mestrado em Ciência Política, Universidade Federal do Rio Grande do Sul, 2005).

DOIMO, Ana Maria. A vez e a voz do popular. Movimentos sociais e participação política no Brasil pós-70. Rio de Janeiro: Relume Dumará/ANPOCS, 1995.

FARIA, Cátia. "Revolucionários, bandidos e marginais. Presos políticos e comuns sob a ditadura militar". (Dissertação de mestrado em História, Universidade Federal Fluminense, 2005).

FERREIRA, Jorge. "A estratégia do confronto: a Frente de Mobilização Popular". Revista Brasileira de História, São Paulo, v. 24, n. 47, p. 187.

FERREIRA, Marieta de Morais; FORTES, Alexandre (orgs.). Muitos caminhos, uma estrela: memórias de militantes do PT. São Paulo: Editora Fundação Perseu Abramo, 2008, v. 1.

Fernando Gabeira, entrevista no programa Roda Viva, 22 dez. 1986. Disponível em: http://www.rodaviva. fapesp.br/materia/248/entrevistados/fernando_gabeira_1986.htm.

GARCIA, Marco Aurélio. "O PCBR: da formação à tentação militarista". Em Tempo, ano III, n. 93, dez. 1979.

GARCIA, Marco Aurélio. "O PCBR na agonia do militarismo". Em Tempo, São Paulo, ano III, n. 94, dez. 1979.

GORENDER, Jacob. Combate nas Trevas. A esquerda brasileira: das ilusões perdidas à luta armada. 3ª edição. São Paulo: Ática, 1987.

LIMA, William da Silva. Quatrocentos contra um. Uma história do Comando Vermelho. 2ª ed. São Paulo: Labortexto Editorial, 2001.

LORIGA, Sabina. "A biografia como problema". In: REVEL, Jacques (org.). Jogos de escalas. A experiência da microanálise. Rio de Janeiro: Fundação Getúlio Vargas, 1998.

LORIGA, Sabina. "A experiência militar". In: LEVI, Giovani; SCHMITT, Jean-Claude (orgs.). História dos Jovens – A Época Contemporânea. Tradução: Nilson Moulin. São Paulo: Companhia das Letras, 1996, v. 2.

PARUCKER, Paulo. Praças em pé de guerra: o movimento político dos subalternos militares no Brasil (1961-1964) e a Revolta dos Sargentos de Brasília. São Paulo: Expressão Popular, 2009.

PARUCKER, Paulo. "Praças em pé de guerra. O movimento político dos subalternos militares no Brasil, 1961-1964". (Dissertação de mestrado em História, Universidade Federal Fluminense, 1992).

PRESTES, Anita Leocádia. Luiz Carlos Prestes: um comunista brasileiro. São Paulo: Boitempo, 2015, p. 103-104 e

REIS, Daniel Aarão. Luís Carlos Prestes: um revolucionário entre dois mundos. São Paulo: Companhia das Letras, 2014.

REIS, Daniel. A revolução faltou ao encontro: os comunistas no Brasil. São Paulo: Brasiliense, 1990.

RIDENTI, Marcelo. O fantasma da revolução brasileira. São Paulo: Unesp, 1993.

ROSE, R. S. The unpast: elite violence and social control in Brazil, 1954-2000. Ohio University, 2005.

SILVA, Hélio. 1964: golpe ou contragolpe. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 1975.

SILVA, Sandra. Ousar lutar, ousar vencer: histórias da luta armada em Salvador (1969-1971). Salvador: Edufba, 2013.

SOUZA, Caco (diretor). "Senhora Liberdade". Documentário: 2004. Disponível em: https://www.youtube.com/watch?v=-lCHgA93XhQ

TORRES, Lucas Porto Marchesini. ""A questão financeira é uma questão política". Militantes do PCBR em ações armadas na Bahia (década de 1980)". (Dissertação de mestrado em História, Universidade Federal da Bahia, 2013).

Downloads

Publicado

2017-05-25

Como Citar

PORTO MARCHESINI TORRES, Lucas. Percursos e percalços do sargento Prestes de Paula: trajetória de um militar comunista em busca de entrosamento social no Brasil Republicano. Revista Mundos do Trabalho, Florianópolis, v. 8, n. 16, p. 33–56, 2017. DOI: 10.5007/1984-9222.2016v8n16p33. Disponível em: https://periodicos.ufsc.br/index.php/mundosdotrabalho/article/view/1984-9222.2016v8n16p33. Acesso em: 18 jun. 2024.