A criação do museu do brinquedo da ilha de Santa Catarina da Universidade Federal de Santa Catarina

Autores

  • Telma Anita Piacentini UFSC, Florianópolis

DOI:

https://doi.org/10.5007/%25x

Palavras-chave:

Museus, Brinquedos-Museus, Cultura da Infância, Museums, Toy-Museums, Childhood Culture, Museos, Juguetes-Museo, Cultura infantil

Resumo

Pretendemos, neste relato, explicitar a trajetória de um museu que, a partir das brincadeiras infantis de Franklin Cascaes e com características de centro de cultura da infância, constituiu-se como museu: o Museu do Brinquedo da Ilha de Santa Catarina é uma construção coletiva, em torno de um conceito cultural que expressa heranças luso-açoriana, negra e indígena e fruto de atividade acadêmica realizada através do plano de trabalho do Projeto de Pesquisa junto ao Programa de Pós-Graduação em Educação (PPGE) da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), aprovado pelo CNPq em 1998.

Biografia do Autor

Telma Anita Piacentini, UFSC, Florianópolis

Possui doutorado em Educação pela USP (1995) e Università Degli Studi di Ferrara/Itália. Tem experiência na área de Educação, com ênfase em Imagens de Infância, Planejamento Educacional e Educação Popular nos movimentos sociais. Criou o Museu do Brinquedo da Ilha de SC, metamuseu do Museu Universitário/UFSC.

Downloads

Publicado

2007-11-16