Formação docente e superação do bullying: um desafio para tornar a convivência ética na escola

Luciene Regina Paulino Tognetta, Rafael Petta Daud

Resumo


Este estudo teórico objetiva evidenciar a condição sine qua non da formação de professores para a diminuição dos problemas relacionados ao bullying em instituições educacionais. Em meio a um contexto em que a formação docente tem sido tratada de maneira superficial e ingênua, uma vez que, no caso específico dos problemas de convivência em que o bullying é a questão principal, tem se limitado a políticas públicas que definham na elaboração de cartilhas e campanhas de conscientização, torna-se imperativa a discussão de dados que permitam confirmar a necessidade de que os professores possam aderir, de forma mais evoluída, a valores morais para que suas intervenções também possam ser fortalecidas a ponto de contribuírem para a superação de formas de violência como o bullying.


Palavras-chave


Formação de professores; Valores morais; Bullying

Texto completo:

PDFA


DOI: https://doi.org/10.5007/2175-795X.2018v36n1p369



Direitos autorais 2018 Luciene Regina Paulino Tognetta, Rafael Petta Daud

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Perspectiva, Florianópolis, Santa Catarina, Brasil. ISSN print 0102-5473, ISSN 2175-795X.

Recomendamos o uso do browser Firefox_Mozilla como navegador do portal .

Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.