A amizade nas relações de ensino e aprendizagem

Elaine Conte, Bruno Passos Fialho

Resumo


Este texto propõe ressignificar os vínculos comunicativos da amizade, revelada no entusiasmo que aproxima aprendizagens nas práticas interconectadas, para explorar como ela pode trazer sensibilidade e novas percepções ao processo de formação humana. Também procura investigar quais as possibilidades e limites das relações de amizade na contemporaneidade, sustentada por fios invisíveis, mesmo a distância. A amizade constitui-se ao mesmo tempo num espaço político, ético, estético e social de diferentes formas de percepção e é uma ação pedagógica de interlocução e construção de aprendizagens colaborativas e formativas. A amizade como possibilidade e risco, abertura e superação das diferenças, liberdade para as possibilidades de questionamento, pensamento e transformação recíproca, apresenta-se como mediadora dos processos educativos e do aprender constante. Há certamente referências efetivas da amizade que nutrem o conhecimento pela confiança baseada no respeito mútuo, daí a necessidade de pensar a educação numa relação processual e dialógica de amizade em tempos de mutabilidade e de redes interativas. É justamente a partir dos laços e expressões de amizade que seria criativo e desafiador insistir na abertura à alteridade, ao encontro e às possibilidades de transformação humana para as mudanças das condições nas quais a vida se vê ameaçada. Investigar como se configuram as relações de amizade na atualidade em suas diferenças e diálogos em redes de aprendizagem fortalece o debate sobre o sentido da relação educador e educando, criando laços de amizade e afetividade, contribuindo para uma educação mais participativa, inacabada e de colaboração formativa.


Palavras-chave


Educação; Amizade; Formação

Texto completo:

PDF/A


DOI: https://doi.org/10.5007/2175-795X.2016v34n1p205



Direitos autorais 2016 Elaine Conte, Bruno Passos Fialho

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Perspectiva, Florianópolis, Santa Catarina, Brasil. ISSN print 0102-5473, ISSN 2175-795X.

Recomendamos o uso do browser Firefox_Mozilla como navegador do portal .

Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.