Projeto político-pedagógico como instrumento de autonomia nas redes municipais de ensino público

Autores

  • Marta Luz Sisson de Castro PUC -Porto Alegre - RS
  • Flávia Obino Corrêa Werle

DOI:

https://doi.org/10.5007/%25x

Resumo

O objetivo deste trabalho é descrever e analisar o projeto político-pedagógico (PPP) de cinco municípios do Rio Grande do Sul identificados numa amostra de 22. Os PPPs foram considerados no limite de sua expressão escrita, em sua forma documental, da qual emergiram seis categorias: temporalidade/historicidade, autoria, diagnóstico, avaliação, finalidades/objetivos/metas, democratização/participação. O PPP não se concretizou como instrumental para o direcionamento da prática educativa e o estabelecimento de princípios orientadores da ação. Entre os cinco PPPs analisados apenas dois apresentam traços mais inovadores.

Downloads

Publicado

2005-01-01