A busca pelos saberes sociais na formação de professores de Educação Física: uma análise das atividades complementares dos egressos da FEFD

Daniel Silva Monteiro, Bárbara Isabela Soares de Souza, Ari Lazzarotti Filho

Resumo


Este texto apresenta o resultado de uma pesquisa que analisou as atividades complementares dos alunos do curso de Licenciatura em Educação Física da Universidade Federal de Goiás. Para isso, realizou-se uma Pesquisa Documental em que foram analisados os certificados dos alunos egressos desta instituição. Notou-se que a maioria das horas contabilizadas faziam parte de eventos acadêmicos/científicos, seguido das atividades de extensão e de cunho político, de forma que os eventos fitness foram a minoria das atividades complementares buscadas pelos mesmos. Conclui-se que as atividades complementares desenvolvidas pelos alunos cumprem ao seu propósito no currículo prescrito ao ampliar a formação nos aspectos acadêmicos, científicos e culturais. Além disso, percebeu-se que estas atividades são realizadas em sua maioria na própria UFG.


Palavras-chave


Formação; Educação física; Atividades complementares

Texto completo:

PDF/A

Referências


AMARAL, G. A. et al. Formação Profissional e Diretrizes Curriculares da Educação Física. Revista Especial de Educação Física – Edição Digital, Minas Gerais, v.3, n.1, novembro 2006.

BEUREN, I. M. (Org.). Como elaborar trabalhos monográficos em contabilidade: teoria e prática. 2° ed. São Paulo: Editora Atlas S. A., 2003.

BRASIL. Ministério de Educação e cultura. Resolução CNE/CES n° 07, de 31 de março de 2004. Estabelece as Diretrizes Nacionais para os cursos de graduação em Educação Física, em nível superior de graduação plena. Disponível em: < http://portal.mec.gov.br/cne/arquivos/pdf/ces0704edfisica.pdf>

________. Conselho Nacional de Educação/Câmara de Educação Superior. Parecer CNE/CES 0058/2004 de 18 de Fevereiro de 2004. Estabelece Diretrizes Curriculares Nacionais para os cursos de graduação em Educação Física. Disponível em:

________. Ministério de Educação e Cultura. Resolução CNE/CES n° 01, de 18 de Fevereiro de 2002. Estabelece as Diretrizes Nacionais para os cursos de graduação em Educação Física, em nível superior de graduação plena. Disponível em < http://portal.mec.gov.br/seesp/arquivos/pdf/res1_2.pdf>

________. Ministério de Educação e Cultura. Resolução CNE/CES n° 02, de 19 Fevereiro de 2002. Estabelece as Diretrizes Nacionais para os cursos de graduação em Educação Física, em nível superior de graduação plena. < http://portal.mec.gov.br/cne/arquivos/pdf/CES022002.pdf>

FIGUEIREDO, Z. C. C. Experiências Sociocorporais e Formação Docente em Educação Física. Movimento, Porto Alegre, v.14, n.01, p.85-110, janeiro/abril de 2008.

GIL, A. C. Como elaborar projetos de pesquisa. 4ª edição. São Paulo: Atlas S. A., 2002.

TARDIF, M. Saberes docentes e formação profissional. 9° ed. Petrópolis: Vozes, 2011.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS. Resolução 20 de Setembro de 2002. Aprova o Regulamento Geral dos Cursos de Graduação. Conselho Universitário da Universidade Federal de Goiás, Goiânia, 2002.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS. Resolução 5 de Abril de 2005. Fixa o currículo do curso de graduação em Educação Física – Licenciatura Plena. Conselho de Ensino, Pesquisa, Extensão e Cultura da Universidade Federal de Goiás, Goiânia, 2005.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS. Projeto Pedagógico do Curso de Licenciatura Presencial em Educação Física. Faculdade de Educação Física e Dança, Goiânia, 2004.




DOI: https://doi.org/10.5007/2175-8042.2016v28n49p164



R. Motriviv., Florianópolis, Santa Catarina, Brasil, ISSNe: 2175-8042.

Os textos publicados na Revista Motrivivência estão licenciados com uma Licença Creative Commons de atribuição não comercial compartilhar igual: CC BY-NC-SA