A Educação Física no Núcleo de Apoio à Saúde da Família: o caso da cidade de Vitória/ES

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5007/2175-8042.2022.e84102

Resumo

Este estudo objetiva analisar a caracterização das práticas de saúde de campo comum dos profissionais de educação física no Núcleo de Apoio à Saúde da Família/NASF da cidade de Vitória/ES. A construção coletiva dos dados foi através da observação participante, diário de campo e entrevista coletiva, que gerou o mapeamento e análise coletiva das práticas de saúde dos oito profissionais de Educação Física. O desdobramento analítico possibilitou elaborarmos duas temáticas: a participação do profissional de Educação Física nas reuniões de Equipe de Saúde da Família e NASF; práticas e intervenções de campo comum pelo PEF do NASF. Operamos os dados dos eixos no sentido de registrar todos os eventos do processo de trabalho do PEF na ESF. Concluímos que os PEFs do NASF de Vitória/ES vêm desenhando suas práticas e saberes integralizados.

Biografia do Autor

André Luis Façanha da Silva, UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO

Professor de Educação Física pela Universidade Estadual Vale do Acaraú (2003), especialização com caratêr de Residência Multiprofissional em Saúde da Família, pela Escola de Saúde Pública de Sobral-CE e UVA (2007). Mestre em Saúde da Família pela UFC (2014) e, atualmente doutorando em Educação Física na Universidade Federal do Espiríto Santo (UFES). 

Ivan Marcelo Gomes, UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO

Graduação em Educação Física pela Universidade Estadual de Maringá (1994), mestrado em Sociologia pela Universidade Federal de Pernambuco (2000) e doutorado em Ciências Humanas pela Universidade Federal de Santa Catarina (2008). Atualmente é professor efetivo do Centro de Educação Física e Desportos na Universidade Federal do Espírito Santo. Professor do Programa de Pós-Graduação em Educação Física (PPGEF/CEFD/UFES).

Ueberson Ribeiro Almeida, UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO

Graduação e mestrado em Educação Física pela Universidade Federal do Espírito Santo (2008) e doutorado em Educação pela Universidade Federal do Espírito Santo (2014). Atualmente é professor adjunto do Centro de Educação Física e Desportos da Universidade Federal do Espírito Santo, onde também atua como docente do Mestrado Profissional em Educação Física. É professor do Programa de Pós-Graduação em Psicologia Institucional da UFES. Tem experiência na área da Saúde e da Educação Física Escolar: Educação Infantil, Ensino Fundamental e Médio. Atua principalmente nos seguintes temas: Formação, trabalho e saúde, educação física escolar, práticas corporais e saúde. Membro do Laboratório de Estudos em Educação Física -LESEF/CEFD/UFES

Referências

ALMEIDA, Debora Alves, SANTOS; Tâmara Santana dos Santos; SOUZA, Núbia Josaria de Lira. A importância da inserção do profissional de Educação Física no Núcleo de Apoio à Saúde da Família. Ciências Biológicas e de Saúde Unit. 2016 Mar;3(2):125-144.

ANDRADE, Luis Odorico Monteiro et al. Atenção Primária à Saúde e Estratégia Saúde da família. In: GASTÃO WSC et al, organizador. Tratado de Saúde Coletiva. 2nd. ed. São Paulo: Hucitec; 2012.

ANJOS, Tatiana Coletto; DUARTE, Ana Cláudia de Garcia Oliveira. A Educação Física e a Estratégia de Saúde da Família: formação e atuação profissional. Physis Revista de Saúde Coletiva. 2009;19(4):1127-1144.

BRASIL. Diretrizes do NASF: Núcleo de Apoio a Saúde da Família. Brasília: Ministério da Saúde, 2010.

BRASIL. Núcleo de Apoio a Saúde da Família- Volume 01: ferramentas para a gestão e para o trabalho cotidiano. Cadernos de Atenção Básica, n. 39. Brasília: Ministério da Saúde, 2014a.

BRASIL. Política Nacional de Atenção Básica. 4th ed. Brasília: Ministério da Saúde, 2007.

BRASIL. Política Nacional de Atenção Básica. Brasília: Ministério da Saúde, 2012.

BRASIL. Portaria GM/MS Nº 648, de 28 de março de 2006. Política Nacional de Atenção Básica, estabelecendo a revisão de diretrizes e normas para a organização da Atenção Básica para o Programa Saúde da Família (PSF) e o Programa Agentes Comunitários de Saúde (PACS). Brasília: Ministério da Saúde, 2006.

BRASIL. Saúde da Família: uma estratégia para a reorientação do modelo assistencial. Brasília: Ministério da Saúde, 1997.

BRUGNEROTTO, Fábio, SIMÕES, Regina. Caracterização dos currículos de formação profissional em Educação Física: um enfoque sobre saúde. Physis. 2009; 19(1):149-72.

CALENTE Daniele Stanger. A experiência do grupo condutor na implantação do NASF em Vitória-ES. Dissertação. (Programa de psicologia institucional) – Universidade Federal do Espírito Santo. 2017. Disponível em: http://dspace3.ufes.br/handle/10/9019?mode=full Acesso em: 12 de out. 2020.

CAMPOS, Gastão Wagner Sousa. Equipes de referência e apoio especializado matricial: um ensaio sobre a reorganização do trabalho em saúde. Ciência e Saúde Coletiva. 1999; 4(2):393-403. Disponível em:

CAMPOS, Gastão Wagner Sousa; DOMITTI, Ana Carla. Apoio matricial e equipe de referência: uma metodologia para gestão do trabalho interdisciplinar em saúde. Caderno de Saúde Pública. 2007; 23(2):399-407.

FALCI, Denise Mourão; BELISÁRIO, Soraya Almeida. A posição dos profissionais de educação física na atenção primária à saúde e os desafios em sua formação. Interface. 2013 Out; 17(47):885-99.

FERREIRA, Talita Bonini; CIPOLOTTI, Mariana Dantas; MARQUES, Bruna Gabriela; MIRANDA, Maria Luiza de Jesus. A inserção do Profissional de Educação Física nos Núcleos de Apoio a Saúde da Família: visão dos profissionais. Revista Brasileira de Atividade Física & Saúde. 2016 Mai; 21(3):228-236.

FLORINDO Alex Antonio; NAKAMURA Priscila Missaki; FARIAS JUNIOR, José Cazuza; SIQUEIRA, Fernando Vinholes; REIS, Rodrigo Siqueira; CRUZ, Danielle Keylla Alencar; HALLAL, Pedro Curi. Promoção da atividade física e da alimentação saudável e a saúde da família em municípios com academia da saúde. Revista Brasileira Educação Física e Esporte. 2016 Out; 30(4):913-24.

FURTADO, Giovana Valente Nunes; KNUTH, Alan Goularte. Núcleo de apoio à Saúde da Família (NASF) em Rio Grande/RS: percepção sobre o trabalho realizado pela educação física. Revista Brasileira de Atividade Física & Saúde. 2015 Set; 20(5):514-523.

FURTADO, Juarez Pereira. Equipes de referência: arranjo institucional para potencializar a colaboração entre disciplinas e profissões. Interface: Comunic, Saúde, Educ. Botucatu. 2007; 11(22):239-255.

GONÇAVES, Michelli Cristina de Andrade. A atuação do profissional de Educação Física no núcleo de apoio ao saúde da família (NASF) e os resultados de sua intervenção com um grupo de usuários do Sistema Único de Saúde (SUS). Dissertação (Mestrado em Educação Física) – Universidade de Campinas. Campinas (SP). 2013.

IGLESIAS, Alexandra. O matriciamento em saúde mental sob vários olhares. Tese (Doutorado em Psicologia) - Universidade Federal do Espírito Santo. Vitória (ES); 2015. Disponível em: http://dspace3.ufes.br/handle/10/9095 Acesso em: 30 de jan 2010.

LIMA, Lucídio José dos Reis; OLIVEIRA, Braulio Nogueira, OLIVEIRA, Bergson Nogueira. Representações sociais sobre o trabalho do profissional de educação física na atenção primária à saúde pelas equipes de saúde da família. Educação Física em Revista. 2015 Abr; 9(2):12-22.

LOPES, Wanda Oliveira; SAUPE, Rosita, MASSAROLI, Aline. Visita domiciliar: tecnologia para o cuidado, o ensino e a pesquisa. Ciência, Cuidado e Saúde. 2008 Abr; 7(2):241-247.

MADUREIRA, Renata Maria Sales; BISSOLI, Sandra Maria. Apoio Matricial em Saúde do Idoso: a experiência do município de Vitória – ES. In: SILVA AG, organizador. Experiência(ações) e práticas de pesquisa. Rio de Janeiro: EPESC/ABRASCO; 2014. p. 135-147.

MAFRA, Livia de Paula Valente. A trajetória do Nasf no município de Piraí: uma análise para além da gestão. Dissertação (Mestrado em Saúde Coletiva) - Rio de Janeiro (RJ): Universidade do Estado do Rio de Janeiro; 2012. Disponível em: http://www.bdtd.uerj.br/tde_busca/arquivo.php?codArquivo=3989 Acesso em: 20 de mai. 2020.

MENEZES, Cristina Albuquerque. Implantação do Núcleo de Apoio ao programa Saúde da Família (Nasf ) em Olinda: estudo de caso. Monografia. (Especialização em Gestão de Sistemas e Serviços de Saúde). Recife (PE): Fundação Oswaldo Cruz; 2011. Disponível em: https://www.arca.fiocruz.br/bitstream/icict/29248/1/448.pdf Acesso em: 25 de mai. 2020.

MINAYO. Maria Cecilia Sousa. O desafio do conhecimento: pesquisa qualitativa em saúde. 12th ed. São Paulo: HUCITEC; 2010.

NEVES, Ricardo Lira de Rezende; ANTUNES, Pricilla de Caesaro; BAPTISTA, Tadeu João Ribeiro; ASSUMPÇÃO, Luis Otávio Teles. Educação física na saúde pública: revisão sistemática. Revista Brasileira Ciência e Movimento. 2015; 23 (2): 163-177. Disponível em: https://docs.bvsalud.org/biblioref/2017/07/846558/educacao-fisica-na-saude-publica.pdf Acesso: 10 de jul. 2020

OLIVEIRA, Braulio Nogueira; WACHS, Felipe. Educação física, atenção primária à saúde e organizacão do trabalho com apoio matricial. Revista Brasileira de Ciência do Esporte. 2018; Vol. 41. Nº. 2.

PEDROSA, Olakson Pinto; LEAL, Andrêa Fachel. A inserção do profissional de Educação Física na estratégia de saúde da família em uma capital do norte do Brasil. Rev. Movimento. 2012; 18(2):235-253.

RODRIGUES, José Damião et al.. Perfil e atuação do Profissional de Educação Física nos Núcleos de Apoio à Saúde da Família na região metropolitana de João Pessoa-PB. Revista Brasileira de Atividade Física & Saúde. 2015 Jul; 20(4):352-365.

RODRIGUES, José Damião et al. Inserção e atuação do profissional de educação física na atenção básica à saúde: revisão sistemática. Revista Brasileira de Atividade Física e Saúde. Pelotas/RS.,18(1):5-15 Jan/2013. Disponível em: https://rbafs.emnuvens.com.br/RBAFS/article/view/2390 Acesso em: 20 nov. 2020.

SANTOS, Sueyla Ferreira da Silva dos Santos et al. The work of physical education professionals in Family Health Support Centers (NASF): a national survey. Revista Brasileira de Cineantropometria e Desempenho Humano. 2015, 17(6):693-703.

SAPORETTI, Gisele Marcolino; MIRANDA, Paulo Sérgio Carneiro; BELISARIO, Soraya Almeida. O profissional de educação física e a promoção da saúde em núcleos de apoio à saúde da família. Trabalho. Educação. Saúde. 2016; 13(2):523-543.

SARTI, Thiago Dias. (Bio)política da Saúde da Família: adoecimento crônico, micropolítica e o governo da vida [tese]. São Paulo (SP): Universidade de São Paulo; 2015.

SCHWARTZ, Yves. O trabalho se modifica. In: SCHWARTZ, Yves; DURRIVE, Louis, organizadores. Trabalho e ergologia: conversas sobre atividade humana. Niterói: EdUFF; 2007. p. 23-47.

SOUZA, Fernanda dos Reis. Processo de construção dos Núcleos de Apoio à Saúde da Família (NASF) na Atenção Básica do Estado do Ceará [dissertação]. Fortaleza (CE): Universidade Federal do Ceará; 2013.

SOUZA, Silvana Cardoso; LOCH, Mathias Roberto. Intervenção do profissional de educação física nos Núcleos de Apoio à Saúde da Família em municípios do norte do Paraná. Revista Brasileira de Atividade Física & Saúde. 2011; 16(1):5-10.

SOUZA, Souza Cardoso; LOCH, Mathias Roberto. Intervenção do profissional de educação física nos Núcleos de Apoio à Saúde da Família em municípios do norte do Paraná. Rev Brasileira de Atividade Física e Saúde. 2011; 16(1):5-10.

VITÓRIA. [Internet]. No SOE, população tem orientação gratuita para exercícios físicos, c2013 [citado em 2019 Dez 20]. Disponível em https://www.vitoria.es.gov.br/cidadao/no-soe-populacao-tem-orientacao-gratuita-para-exercicios-fisicos.

XAVIER, Pinto Patrícia; ESPÍRITO-SANTO, Giannina. Representações sociais do profissional de educação física pela equipe de estratégia saúde da família. Corpus et Scientia. 2014 Jul; 9(2):83-98.

Downloads

Publicado

2022-04-14

Edição

Seção

Artigos Originais