Relações étnico-raciais na formação de professores/as de teatro

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5007/2175-795X.2019.e53018

Palavras-chave:

Formação de professores/as, Teatro, Relações étnico-raciais

Resumo

Tendo como referência a Lei 10.639/2003, buscou-se compreender como os(as) futuros(as) professores(as) de teatro estão sendo formados(as) para educação para as relações étnico-raciais. Considerando a área de arte como prioritária na implementação da temática étnico-racial na Educação Básica – conforme disposto nas Diretrizes Curriculares para o Ensino de História e Cultura Afro-brasileira e Africana e para Educação das Relações Étnico-raciais – e identificando uma lacuna teórica no que diz respeito especificamente à formação de professores(as) de teatro na temática em questão, buscou-se a elaboração, baseando-se em entrevistas com pesquisadores(as) da área, de possíveis propostas de conteúdos, abordagens e metodologias de formação inicial para professores(as) de teatro na perspectiva da educação para as relações étnico-raciais e do ensino de história e cultura afro-brasileira e africana. Como resultado, trazemos para o debate possibilidades formativas centradas em uma aproximação entre universidade e comunidade contemplando atividades de pesquisa e extensão, novas epistemologias e diferentes formas de conceber e realizar o fazer teatral.

Biografia do Autor

Monique Priscila de Abreu Reis, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo - IFSP

Mestra em Educação (2017) pela Universidade Federal de São Carlos. Professora do Ensino Básico, Técnico e Tecnológico do IFSP, área de Artes.

Tatiane Cosentino Rodrigues, Universidade Federal de São Carlos - UFSCar

Doutora em Educação (2011) pela Universidade Federal de São Carlos. Professora Adjunta do Departamento de Teorias e Prática Pedagógicas da UFSCar.

Referências

ANDRÉ, Carminda Mendes. Carminda Mendes André: entrevista. [Agosto, 2016]. Entrevistadora: Monique Priscila de Abreu Reis. São Paulo: UFSCar, 2016. Áudio Mp3.

BRASIL. Conselho Nacional de Educação. Parecer CNE/CP/003/2004. Diretrizes Curriculares Nacionais para a Educação das Relações Étnico/Raciais e para o Ensino de História e Cultura Afro-Brasileira e Africana, 2004.

FANON, F. Pele negra, máscaras brancas./ Frantz Fanon; tradução de Renato da Silveira. Salvador: EDUFBA, 2008.

FIGUEIREDO, Ricardo Carvalho de. Ricardo Carvalho de Figueiredo: entrevista. [Junho, 2016]. Entrevistadora: Monique Priscila de Abreu Reis. São Paulo: UFSCar, 2016. Áudio Mp3.

GOMES, Nilma Lino. Relações étnico-raciais, educação e descolonização dos currículos. Currículo sem Fronteiras, v.12, n.1, pp. 98-109, Jan/Abr 2012.

HERNÁNDEZ, Fernando. Pedagogias Culturais: o processo de (se) constituir em campo que vincula conhecimento, indagação e ativismo. In: Pedagogias Culturais/Raimundo Martins e Irene Tourinho (org). Santa Maria: Editora da UFMS, 2014.

LIGIÉRO, Zeca. Corpo a corpo: estudo das performances brasileiras. Rio de Janeiro: Garamond, 2011.

LIGIÉRO, Zeca. Outro Teatro: do ritual à performance. Tese apresentada ao Departamento de Direção/Escola de Teatro da Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro como requisito parcial à obtenção da progressão ao nível E - Professor Titular em Estudos da Performance, 2015.

LIGIÉRO, Zeca. Zeca Ligiéro: Entrevista. [Agosto, 2016]. Entrevistadora: Monique Priscila de Abreu Reis. São Paulo: UFSCar, 2016. Áudio Mp3.

REIS, Monique Priscila de Abreu. A formação de professores/as de Arte em educação para as relações étnico-raciais: interrogando os currículos de Licenciatura em Teatro. 2017. 159f. Dissertação (Programa de Pós-graduação em Educação). Universidade Federal de São Carlos, SP.

SANTANA, Arão Paranaguá de. Trajetórias, avanços e desafios do teatro-educação no Brasil. In: Sala Preta, v.2, 2002. São Paulo: PPGAC/USP. pp.247-252. http://www.revistas.usp.br/salapreta/issue/view/4684/showToc. Acesso:06/05/2016.

SANTANA, Arão Paranaguá de. A Experiência Estética com Fundamento da Preparação Docente: um Estudo de Caso. Disponível em: http://portalabrace.org/vicongresso/pedagogia/ARAO%20P%20SANTANA%20-%20A%20experiencia%20estetica%20com%20fundamento%20da%20preparacao%20docente.pdf. In: Memória ABRACE - VI Congresso. São Paulo: 2010. Acesso: 11/09/2016.

SANTANA, Arão Paranaguá de. Teatro e formação de professores. São Luís/MA: EDUFMA, 2010.

SANTANA, Arão Paranaguá de. Experiência e Conhecimento em Teatro. São Luís: EDUFMA, 2013.

SANTANA, Arão Paranaguá de. Corpo, arte, vida e educação: contribuições da performance para as pedagogias culturais. In: Pedagogias Culturais/ Raimundo Martins e Irene Tourinho (org). Santa Maria: Ed. Da UFMS, 2014.

SANTOS, Boaventura Sousa. Para Além do Pensamento Abissal. Das linhas globais a uma ecologia dos saberes. In: Novos estudos. n.79. Nov 2007.

SILVA, Tomaz Tadeu da. Documentos de identidade: uma introdução às teorias do currículo. Belo Horizonte: Autêntica, 2011.

STRAUSS, Anselm; CORBIN, Juliet. Pesquisa qualitativa: técnicas e procedimentos para o desenvolvimento de teoria fundamentada. 2. ed. Porto Alegre: Artmed, 2008.

WAISELFISZ, Julio Jacobo. Mapa da Violência 2016. Homicídios por arma de fogo no Brasil. FLACSO. Brasil, 2016. Disponível em: http://www.mapadaviolencia.org.br/pdf2016/Mapa2016_armas_web.pdf Acesso: 23/02/2017.

Downloads

Publicado

2019-06-28

Edição

Seção

Dossiê A Decolonização da Pesquisa em Educação: Culturas Africanas, Afrobrasileiras e Indígenas