Kruger, Haidee. Postcolonial polysystems: the production and reception of translated children’s literature in South Africa. Amsterdam/Philadelphia: John Benjamins Publishing Company, 2012. 312p.

Vanessa Lopes Lourenço Hanes

Resumo


Como sua própria autora afirma, este volume (lançado como parte da aclamada coleção de obras com enfoque tradutológico da editora John Benjamins) veio à tona com o objetivo de aprofundar o debate com relação a um tema sobre o qual muito pouco foi dito até hoje: a complexa questão da tradução de literatura infantil na África do Sul, um país multilíngue e emergente com uma trajetória histórica e cultural extremamente interessantes. Vale ressaltar que toda a análise de Kruger é permeada pelas particularidades do atual momento pós-colonial daquela nação marcada por conflitos de diferentes ordens.


Palavras-chave


Tradução; Pós-colonialismo; Resenha

Texto completo:

PDF/A


DOI: https://doi.org/10.5007/2175-7968.2016v36n1p217



Cadernos de Tradução, Florianópolis, Santa Catarina, Brasil. ISSN 2175-7968.