OFICINA ENTRELINHAS, ATIVIDADE MANUAL COM FIOS: BORDANDO RELAÇÕES E ENTRELAÇANDO VIDAS

Conteúdo do artigo principal

Giselle Ethiene Beckhauser da Rocha
Osmar Fecci Junior

Resumo

Os movimentos da Reforma Psiquiátrica demandaram novas formas e dispositivos de cuidado para assistência em saúde mental. Os CAPS – Centro de Atenção Psicossocial, em suas diferentes modalidades (CAPS I, CAPS II, CAPS III, CAPS AD, CAPS AD III e CAPSi), se configuram como o local de referência na Rede de Atenção Psicossocial para o tratamento de pessoas com sofrimento ou transtorno mental e com necessidades decorrentes do uso de crack, álcool e outras drogas, no âmbito do Sistema Único de Saúde. (Ministério da Saúde, 2011)


As Oficina Terapêuticas adentram neste universo de cuidado como um dos principais dispositivos coletivos de tratamento, e de modo geral, são caracterizadas por Oficinas Expressivas, Oficinas Geradoras de Renda e Oficinas de Alfabetização.

Detalhes do artigo

Como Citar
BECKHAUSER DA ROCHA, Giselle Ethiene; FECCI JUNIOR, Osmar. OFICINA ENTRELINHAS, ATIVIDADE MANUAL COM FIOS: BORDANDO RELAÇÕES E ENTRELAÇANDO VIDAS. Cadernos Brasileiros de Saúde Mental/Brazilian Journal of Mental Health, [S. l.], v. 15, n. 45, p. 48–55, 2023. Disponível em: https://periodicos.ufsc.br/index.php/cbsm/article/view/97939. Acesso em: 23 jun. 2024.
Seção
Textos completos
Biografia do Autor

Giselle Ethiene Beckhauser da Rocha, CAPS AD III de Blumenau

Psicóloga do CAPS AD III de Blumenau, Especialista em Psicologia Clínica – Gestalt-Terapia; Arteterapeuta.

Osmar Fecci Junior, APS AD III de Blumenau

Cozinheiro do CAPS AD III de Blumenau; Terapeuta Integrativo.

Referências

BRASIL. Ministério da Saúde. Portaria nº 130 de 26 de janeiro de 2012. Redefine o Centro de Atenção Psicossocial de Álcool e outras Drogas 24 h (CAPS AD III) e os respectivos incentivos financeiros. Diário Oficial da República Federativa do Brasil, Brasília (DF), 2012 jan 27; Seção 1:45.Disponível em: https://bvsms.saude.gov.br/bvs/saudelegis/gm/2012/prt0130_26_01_2012.html

BRASIL. Ministério da Saúde. Portaria nº 3.088 de 23 de dezembro de 2011. Institui a Rede de Atenção Psicossocial para pessoas com sofrimento ou transtorno mental e com necessidades decorrentes do uso de crack, álcool e outras drogas, no âmbito do Sistema Único de Saúde (SUS). Diário Oficial da República Federativa do Brasil, Brasília (DF); 2013 mai 21; Seção 1:37-38.. Disponível em: https://bvsms.saude.gov.br/bvs/saudelegis/gm/2011/prt3088_23_12_2011_rep.html

BRASIL. Saúde mental no SUS: os centros de atenção psicossocial. Ministério da Saúde, Secretaria de Atenção à Saúde, Departamento de Ações Programáticas Estratégicas. Brasília: Ministério da Saúde, 2004. Disponível em: http://www.ccs.saude.gov.br/saude_mental/pdf/sm_sus.pdf. Acesso em: 27 out. 2023.

BRASIL. Constituição (2002). Portaria nº 336, de 19 de fevereiro de 2002. Estabelece que os Centros de Atenção Psicossocial poderão constituir-se nas seguintes modalidades de serviços: CAPS I, CAPS II e CAPS III, definidos por ordem crescente de porte/complexidade e abrangência populacional. Disponível em: https://bvsms.saude.gov.br/bvs/saudelegis/gm/2002/prt0336_19_02_2002.html

CIORNAI, S. Arteterapia Gestáltica. In: ______ (org). Percursos em Arteterapia: arteterapia gestáltica, arte em psicoterapia, supervisão em arteterapia. São Paulo: Summus, 2004. p. 21-169.

FARIAS, I. D. de et al. Oficina terapêutica como expressão da subjetividade. SMAD, Rev. Eletrônica Saúde Mental Álcool Drog. (Ed. port.), Ribeirão Preto, v. 12, n. 3, p. 147-153, set. 2016. Disponível em: <http://pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1806-69762016000300003&lng=pt&nrm=iso>. Acesso em: 27 out. 2023.

LARA, I. B.; GALVÃO, A. M. de O. O bordado na pesquisa em história da educação no Brasil: uma revisão bibliográfica. In: PEREIRA, D. (org). Campos de saberes da história da educação no Brasil 2 – Ponta Grossa (PR): Atena Editora, 2019. Disponível em: https://www.atenaeditora.com.br/catalogo/post/o-bordado-na-pesquisa-em-historia-da-educacao-no-brasil-uma-revisao-bibliografica. Acesso em: 27 out. 2023.

PHILIPPINI, A. Linguagens e Materiais Expressivos em Arteterapia: Uso, Indicações e Propriedades. Rio de Janeiro: Wak Editora, 2009.

RHYNE, J. O que é experiência gestáltica de arte? In: ______. Arte e Gestalt: padrões que convergem. São Paulo: Summus, 2000. p. 37 a 52.

WITTMANN, A. Conheça a história do bordado e como esta arte influenciou as práticas na Colônia Blumenau. Disponível em: https://omunicipioblumenau.com.br/registro-para-historia-conheca-a-historia-do-bordado-e-como-esta-arte-influenciou-as-praticas-na-colonia-blumenau/. Acesso em: 25 out. de 2023.

Artigos Semelhantes

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 > >> 

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.