Bibliografia: um estudo a partir das publicações d’arte da bibliografia

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5007/1518-2924.2020.e73292

Palavras-chave:

Seminário A Arte da Bibliografia, Arte da Bibliografia, Bibliografia, Citação bibliográfica

Resumo

Objetivo: Este estudo objetiva reconhecer a noção teórica e prática sobre o conceito de bibliografia, e apresentar um estudo dos artigos resultantes dos eventos Seminário A Arte da Bibliografia.

Método: Pesquisa bibliográfica e exploratória com métodos bibliométricos. Foi realizado o levantamento de 58 textos. A organização dos dados levantados foi utilizada com a ferramenta Excel da Microsoft. No que tange ao padrão dos dados, foi seguido o padrão da ABNT 6023/2002.

Resultados: Quanto aos resultados obtidos foi observado que o ano em que mais tiveram publicações foi o de 2019. Sobre os periódicos foi identificado que, as revistas que mais publicaram artigos foram à Informação & Informação. Dentre os artigos analisados identificamos o envolvimento de 79 autores. Desses autores, 12 tiveram envolvimento com mais de uma publicação. Das referências encontradas constam elas datadas do século XVI até o ano de 2019. O idioma mais usado foi o português com 51% seguido do Inglês com 21% e o Francês 12%. No quesito número de citações das referências, foram identificados que 88 documentos foram citados mais de uma vez, e juntos totalizam 244 citações. A referência que mais obteve citações foi o livro ‘Traité de documentation: le livre sur le livre: theorie et pratique’, de Paul Otlet.

Conclusão: Concluímos que as publicações derivadas do Fórum retomam nomes e práticas que fortalecem a identidade da área. Por isso, o espaço da A Arte da Bibliográfica se justifica epistemologicamente. Devido qualidade assegurada pelas publicações, que são avaliadas por revisões independentes, às cegas.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

ARAUJO, Andre Vieira de Freitas. Pioneirismo bibliográfico em um polímeta do Séc. XVI: Conrad Gesner. Informação & Informação, Londrina, v. 20, n. 2, maio/ago. 2015.

ARAUJO, Andre Vieira de Freitas; CRIPPA, Giulia; SALDANHA, Gustavo Silva. Em busca da Bibliografia: sobre o I Seminário Internacional" A Arte da Bibliografia". RBBD. Revista Brasileira de Biblioteconomia e Documentação, v. 11, p. 495-512, 2015.

CENDÓN, Beatriz Valadares et al. Uso dos periódicos do Portal CAPES pelos

Programas de Pós-graduação da Faculdade de Odontologia de Araraquara - UNESP-no período de 2000 a 2005. TransInformação, Campinas, v.21, n.2, p.133-149, maio/ago. 2009. Disponível em: file:///C:/Users/Kari/Downloads/Uso_dos_periodicos_do_Portal_CAPES_pelos.pdf Acesso em: 25 abr. 2020.

CRIPPA, Giulia. A Arte da Bibliografia: uma pequena apresentação. InCID: Revista de Ciência da Informação e Documentação, v. 7, p. 3-6, 2016.

CRIPPA, Giulia. DAMIAN, Ieda Pelógia Martins. A Arte da Bibliografia no Brasil: análise da produção em algumas revistas científicas (2014-2018). In: ENCONTRO IBÉRICO DA ASOCIACIÓN DE EDUCACIÓN E INVESTIGACIÓN EN CIENCIA DE LA INFORMACIÓN DE IBEROAMÉRICA Y EL CARIBE, 9., 2019, Barcelona. Anais eletrônicos [...]. Barcelona: EDICIC, 2019. Disponível em: http://eprints.rclis.org/34411/1/EDICIC2019_Crippa_Damian.pdf. Acesso em: 29 nov. 2019.

McKENZIE, Donald Francis. Bibliografia e a sociologia dos textos. São Paulo: EDUSP, 2018.

SABBA, Fiammetta. Natureza e origem da Bibliografia: uma perspectiva disciplinar para contemporaneidade. InCID: Revista de Ciência da Informação e Documentação, v. 7, p. 65-98, 2016.

BOULOGNE, A. Como redigir uma bibliografia. São Paulo: Martins Fontes, 2006.

CRIPPA, Giulia. Entre arte, técnica e tecnologia: algumas considerações sobre a bibliografia e seus gestos. InCID: Revista de Ciência da Informação e Documentação, v. 7, p. 23-40, 2016.

FONSECA, E. N. da. A bibliografia como ciência: da crítica textual à bibliometria. Revista Brasileira de Biblioteconomia, Doc, v. 12, n. 1-2, p. 23-28, 1979.

MUELLER, Suzana Pinheiro Machado. A ciência, o sistema de comunicação científica e a literatura científica. Fontes de informação para pesquisadores e profissionais. Belo Horizonte: UFMG, 2000.

RAYWARD, W. Boyd. Organização do conhecimento e um novo sistema político mundial: ascensão e queda e ascensão das ideias de Paul Otlet. In: OTLET, Paul. Tratado de Documentação: o livro sobre o livro: teoria e prática. Brasília: Briquet de Lemos, 2018. 698 p. Disponível em: http://repositorio.unb.br/bitstream/10482/32627/1/LIVRO_TratadoDeDocumenta%C3%A7%C3%A3o.pdf. Acesso em: 13 out. 2019.

SALDANHA, Gustavo Silva. A grande bibliologia: notas epistemológico-históricas sobre a ciência da organização dos saberes. Transinformação, Campinas , v. 28, n. 2, p. 195-207, Aug. 2016 .

SANTOS, Paola. Paul Otlet: um pioneiro da organização das redes mundiais de tratamento e difusão da informação registrada. Ci. Inf., Brasília, v. 36, n. 2, p. 54-63, maio/ago. 2007. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-19652007000200006&lng=en&nrm=iso. Acesso em: 14 out. 2019.

Publicado

2020-12-02

Como Citar

MENDES, Lucas; LAURINDO, Kariane Regina; ARDIGO, Julibio David. Bibliografia: um estudo a partir das publicações d’arte da bibliografia. Encontros Bibli: revista eletrônica de biblioteconomia e ciência da informação, [S. l.], v. 25, n. Especial, p. 01–19, 2020. DOI: 10.5007/1518-2924.2020.e73292. Disponível em: https://periodicos.ufsc.br/index.php/eb/article/view/73292. Acesso em: 17 jun. 2024.

Artigos Semelhantes

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 > >> 

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.