Uma sugestão para a interação multidisciplinar: a observação do fenômeno da fluorescência

Autores

  • Jorge Roberto Pimentel Depto de Física – UNESP Rio Claro – SP
  • Fuad Daher Saad Instituto de Física – USP São Paulo – SP
  • Paulo Yamamura UNIVESP São Paulo – SP
  • Claudio Hiroyuki Furukawa Instituto de Física – USP São Paulo – SP
  • Vitor Helio Zumpano Depto de Física - UNESP Rio Claro – SP

DOI:

https://doi.org/10.5007/2175-7941.2014v31n2p365

Palavras-chave:

Ensino de Física, Matéria e Radiação, Radiação Ultravioleta, Fluorescência

Resumo

Abordagens multidisciplinares de eventos do cotidiano constituem valiosas ferramentas a serem utilizadas pelo professor para desencadear reflexões acerca de como a construção do conhecimento científico se faz por meio de um processo coletivo, bem como sobre a importância de que a investigação científica não fique limitada a uma determinada área do conhecimento, para a compreensão plena de quaisquer fenômenos. Neste trabalho, propomos a observação da fluorescência que se verifica em alguns materiais, objetos e seres vivos como atividade para que os estudantes sejam levados a perceber a existência de interação entre a Física, a Química e a Biologia, disciplinas geralmente não correlacionadas.

Biografia do Autor

Jorge Roberto Pimentel, Depto de Física – UNESP Rio Claro – SP

Fuad Daher Saad, Instituto de Física – USP São Paulo – SP

Paulo Yamamura, UNIVESP São Paulo – SP

Claudio Hiroyuki Furukawa, Instituto de Física – USP São Paulo – SP

Vitor Helio Zumpano, Depto de Física - UNESP Rio Claro – SP

Downloads

Publicado

2014-05-12

Edição

Seção

Atividades experimentais no ensino de Física