O Prêmio Nobel de Física de 2017 e as Instituições Brasileiras de Pesquisas Físicas

Autores

  • José Maria Filardo Bassalo Academia Paraense de Ciências, Belém, PA
  • M. Cattani Instituto de Física, USP

DOI:

https://doi.org/10.5007/2175-7941.2018v35n2p440

Palavras-chave:

Prêmio Nobel de Física de 2017, Weiss, Barish e Thorne, Ondas Gravitacionais, Detecção

Resumo

Neste artigo, trataremos do Prêmio Nobel de Física de 2017, concedido aos físicos norte-americanos Rainer (“Rai”) Weiss (de origem alemã), que recebeu a metade e, a outra metade foi dividida, por Barry Clark Barish e Kip Stephen Thorne – pelas decisivas contribuições na construção do detector LIGO e a observação de ondas gravitacionais –, segundo o Comitê Nobel (CN). Trataremos, também, dessas ondas e sua detecção, além mostrar como os três nobelistas se relacionaram.

Biografia do Autor

José Maria Filardo Bassalo, Academia Paraense de Ciências, Belém, PA

Em 1958, formou-se em Engenharia Civil pela antiga Escola de Engenharia do Pará; em 1965, recebeu o título de Bacharel em Física pela Universidade de Brasília; em 1973 e 1975, respectivamente, obteve os títulos de Mestre em Física e Doutor em Física, pela Universidade de São Paulo. Em 1961, ingressou como Instrutor de Ensino no então Núcleo de Física e Matemática da UFPA; em 1978 e 1989, tornou-se, por intermédio de Concursos, Interno e Público, respectivamente, Professor Adjunto e Professor Titular do Departamento de Física da UFPA, no qual aposentou-se compulsoriamente no dia 10 de setembro de 2005.

M. Cattani, Instituto de Física, USP

Professor Titular do Instituto de Física da Universidade de São Paulo desde 1985, aposentado em 2011. Tem experiência na área de Física Teórica. Tem trabalhos em processos de interações moleculares e atômicas em gases neutros e colisões entre íons e elétrons em plasmas. Efetuou pesquisas também nos seguintes temas: astrofísica, ondas gravitacionais, mecânica estatística, quarks, racemização e atividade ótica, física de superfícies e resistividade elétrica de filme finos. 

 

Downloads

Publicado

2018-09-14

Edição

Seção

História e Filosofia da Ciência