Como culpar os trabalhadores por suas próprias mortes: uma análise das políticas públicas para os acidentes de trabalho durante a ditadura militar

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5007/1984-9222.2020.e71350

Resumo

Resenha do livro: SILVA, Ana Beatriz Ribeiro Barros. Corpos para o capital: acidentes de trabalho, prevencionismo e reabilitação profissional durante a ditadura militar brasileira (1964- 1985). Jundiaí: Paco, 2019.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Clarice Gontarski Speranza, Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS)

Professora do Departamento de História e do Programa de Pós-Graduação em História da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Professora do Programa de Pós-Graduação em História da Universidade Federal de Pelotas (UFPel).

Referências

SILVA, Ana Beatriz Ribeiro Barros. Corpos para o capital: acidentes de

trabalho, prevencionismo e reabilitação profissional durante a ditadura militar brasileira (1964-1985). Jundiaí: Paco, 2019.

Downloads

Publicado

2020-03-09

Como Citar

SPERANZA, C. G. Como culpar os trabalhadores por suas próprias mortes: uma análise das políticas públicas para os acidentes de trabalho durante a ditadura militar. Revista Mundos do Trabalho, Florianópolis, v. 12, p. 1-4, 2020. DOI: 10.5007/1984-9222.2020.e71350. Disponível em: https://periodicos.ufsc.br/index.php/mundosdotrabalho/article/view/1984-9222.2020.e71350. Acesso em: 7 ago. 2022.

Edição

Seção

Resenhas