Uma experiência de formação em saúde mental e economia solidária Potencializando projetos e redes

Conteúdo do artigo principal

Elisa Zaneratto Rosa
https://orcid.org/0000-0003-2263-6889
Maria das Graças de Lima
http://orcid.org/0000-0002-2856-6810
Evelyn Sayeg
https://orcid.org/0000-0003-2456-2449
Elisa Wajskop Marcondes Machado
https://orcid.org/0000-0003-0762-6914
Julia Marabesi Moreira Freire
https://orcid.org/0000-0001-8504-4560

Resumo

Este relato apresenta uma experiência de formação em saúde mental e economia solidária, realizada por meio de parceria entre Universidade e serviços da rede pública de saúde, especificamente os Centros de Convivência e Cooperativa. Trata-se da proposição e desenvolvimento de um curso a trabalhadores de grupos de geração de trabalho e renda ligados aos serviços, assim como à equipe técnica apoiadora, que priorizou em sua metodologia a autogestão e a realização de atividades práticas de planejamento e avaliação, a partir da trajetória dos grupos participantes. A proposta parte do compromisso com a qualificação de projetos orientados pelos princípios da economia solidária como resposta à questão do trabalho sob a égide da Reforma Psiquiátrica Antimanicomial. A estratégia de formação adotada fomentou princípios da autogestão, da cooperação, da economia solidária e do trabalho em rede nos grupos e demonstrou a importância de modelos de formação alicerçados na práxis social. Como principal desdobramento, destacamos a constituição de uma rede local, formada inicialmente pelos Centros de Convivência e Cooperativa da região que participaram do curso, a qual posteriormente ampliou a participação de outros atores, permitindo o avanço das atividades de produção, comercialização e organização coletiva para o trabalho.

Detalhes do artigo

Como Citar
ZANERATTO ROSA, .; DE LIMA, . das G.; SAYEG, .; WAJSKOP MARCONDES MACHADO, .; MARABESI MOREIRA FREIRE, . . Uma experiência de formação em saúde mental e economia solidária: Potencializando projetos e redes. Cadernos Brasileiros de Saúde Mental/Brazilian Journal of Mental Health, [S. l.], v. 14, n. 39, p. 153–168, 2022. Disponível em: https://periodicos.ufsc.br/index.php/cbsm/article/view/80383. Acesso em: 3 dez. 2022.
Seção
Política de Saúde Mental no Brasil e Atenção Psicossocial
Biografia do Autor

Elisa Zaneratto Rosa, PUCSP

Doutora em Psicologia Social pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP). Professora do departamento de Psicologia Social da PUC-SP. Membro do Instituto Silvia Lane – Psicologia e Compromisso Social. (contribuiu substancialmente para o planejamento e supervisão da experiência, para a concepção e elaboração do relato, para a revisão do conteúdo e participou da aprovação da versão final do relato de experiência)

Maria das Graças de Lima, PUC SP

Doutora em Psicologia Social pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo. (contribuiu substancialmente para o planejamento e realização da experiência, para a sistematização das informações para o relato e participou da revisão e da aprovação da versão final do relato de experiência)

Evelyn Sayeg, PUC SP

Mestre em Psicologia Social pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (contribuiu substancialmente para a elaboração do relato; contribuiu significativamente para a análise dos desdobramentos da experiência e participou da aprovação da versão final do relato de experiência)

Elisa Wajskop Marcondes Machado, PUC SP

Psicóloga formada pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, cursou o Programa de Aprimoramento Profissional Psicologia em Unidade Básica de Saúde da Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo. (contribuiu substancialmente para o planejamento e realização da experiência, para a sistematização das informações para o relato e participou da aprovação da versão final do relato de experiência)

Julia Marabesi Moreira Freire, PUC SP

Psicóloga formada pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo   (contribuiu substancialmente para o planejamento e realização da experiência, para a sistematização das informações para o relato e participou da aprovação da versão final do relato de experiência)

Referências

ABOU YD, Miriam. Por uma Clínica Antimanicomial: a ousadia de um projeto. In: LOBOSQUE, Ana Marta (org). A Reforma Psiquiátrica que Queremos: Por uma Clínica Antimanicomial., p.53-57. Belo Horizonte: ESP-MG, 2007- (Caderno Saúde Mental).

CASTEL, Robert. A ordem psiquiátrica: a idade de ouro do alienismo. 2ª edição. Trad. Maria Thereza da Costa Albuquerque. Rio de Janeiro: Graal, 1978.

FURTADO, Odair. Psicologia e Relações de Trabalho: em busca de uma leitura crítica e de uma atuação compromissada. In: BOCK, Ana Mercês Bahia (org). A Perspectiva Sócio-Histórica na Formação em Psicologia., p. 211-239. Petrópolis, RJ: Vozes, 2003.

FURTADO, Odair.; SVARTMAN, Bernardo P. Trabalho e Alienação. In: BOCK, Ana Mercês Bahia; GONÇALVES, Maria da Graça Marchina (orgs). A dimensão subjetiva da realidade: uma leitura sócio-histórica., p. 73-115.São Paulo: Cortez, 2009.

MARTINS, Rita de Cássia Andrade. Saúde Mental e Economia Solidária: construção democrática e participativa de políticas públicas de inclusão social e econômica. In: CORTEGOSO, Ana Lucia; LUCAS, Miguel Gambelli (orgs). Psicologia e Economia Solidária: interfaces e perspectivas., p. 245-262. São Paulo: Casa do Psicólogo, 2008.

Marx, Karl. Manuscritos Econômico-Filosóficos. Trad. Jesus Ranieri. São Paulo: Boitempo, 2004.

NETO, Sebastião Oliveira et al. 10 anos de Projeto Tear. In: PINHO, Kátia Liane Rodrigues; LUSSI, Isabela Aparecida de Oliveira; MACHADO, Maria Lúcia Teixeira (orgs). Relatos de Experiências em Inclusão Social pelo Trabalho na Saúde., p. 47-60. São Carlos: Compacta Gráfica e Editora, 2014.

NICÁCIO, Fernanda. Reforma Psiquiátrica: Direito ao Trabalho e Emancipação. In: MINISTÉRIO DA SAÚDE (BRASIL). Secretaria de Atenção à Saúde. Departamento de Ações Programáticas Estratégicas. Saúde mental e economia solidária: inclusão social pelo trabalho., p. 75-19. Brasília: Editora do Ministério da Saúde, 2005.

SILVA, Rosimeire Aparecida. Experiências de Geração de Renda e Trabalho em Saúde Mental. In: MINISTÉRIO DA SAÚDE (BRASIL). Secretaria de Atenção à Saúde. Departamento de Ações Programáticas Estratégicas. Saúde mental e economia solidária: inclusão social pelo trabalho., p. 53-60. Brasília: Editora do Ministério da Saúde, 2005.

SINGER, Paul. Globalização e desemprego: diagnóstico e alternativas. 4ª edição. São Paulo: Contexto, 1998.

SINGER, Paul. Saúde mental e economia solidária. In: MINISTÉRIO DA SAÚDE (BRASIL). Secretaria de Atenção à Saúde. Departamento de Ações Programáticas Estratégicas. Saúde mental e economia solidária: inclusão social pelo trabalho., p. 11-12. Brasília: Editora do Ministério da Saúde, 2005.