Comunicação e Tecnologia: uma visão psicanalítica

Autores

  • Gloria Sadala Universidade Veiga de Almeida

DOI:

https://doi.org/10.5007/1807-1384.2009v6n1p138

Palavras-chave:

Human Condition in the Modernity

Resumo

http://dx.doi.org/10.5007/1807-1384.2009v6n1p138

 

Este artigo aborda o deslocamento da comunicação para o âmbito tecnológico observado na contemporaneidade. Ao lado dos benefícios evidentes resultantes do progresso tecnológico, apresentamos as perplexidades diante dos possíveis efeitos do excesso, das mudanças rápidas e da globalização sobre os sujeitos imersos neste mar de informação. Utilizamos para este estudo conceitos e operadores do campo da psicanálise.

Palavras-chave: Comunicação; Tecnologia; Psicanálise.

 

Biografia do Autor

Gloria Sadala, Universidade Veiga de Almeida

Possui graduação em Psicologia pela Universidade Santa Úrsula (1972), Mestrado em Psicologia pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (1986) e Doutorado em Comunicação e Cultura pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (2001). Atualmente é Coordenadora, Professora e Supervisora do Curso de Mestrado Profissional em Psicanálise, Saúde e Sociedade da Universidade Veiga de Almeida, Coordenadora do Curso de Especialização em Teoria Psicanalítica e Prática Clínico-Institucional da Universidade Veiga de Almeida, Professora e Supervisora do Curso de Graduação em Psicologia da Universidade Veiga de Almeida e Professora do Curso de Especialização em Psicologia Clínica da Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro. Tem experiência na área de Psicologia e Psicanálise, com ênfase na Clínica Psicanalítica e Análise da Contemporaneidade, atuando principalmente nos seguintes temas: Psicanálise, Adolescência e Sintomas Contemporâneos. Coordena Grupo de Pesquisa cadastrado no CNPq cujo tema é "Adolescência e Contemporaneidade".

Downloads

Publicado

2009-07-02

Edição

Seção

Artigos