Natureza: um ecossistema vivo do qual brota toda a vida

Autores

  • Maude Barlow Trent University in Peterborough, Ontario

DOI:

https://doi.org/10.5007/1807-1384.2012v9n1p1

Palavras-chave:

Natureza, Ecossistema, Declaração Universal dos Direitos da Mãe Terra, Conferência Mundial dos Povos, Mudanças Climáticas, Direitos da Mãe Terra

Resumo

O mundo precisa da Declaração Universal dos Direitos da Mãe Terra e todos os seres humanos precisam internalizar seus princípios para que o Planeta, e nós, possamos sobreviver.

Tradução para língua portuguesa por Luiz Fernando Scheibe, doutor em Ciências pelo instituto de Geociências da Universidade de São Paulo (USP) Professor titular aposentado do Centro de Filosofia e Ciências Humanas da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Capítulo traduzido: Nature: A Living Ecosystem From Which All Life Springs do livro The Rights of Nature – The case for a Universal Declaration of the Rights of Mother Earth, de autoria de: Evo Morales Ayma; Maude Barlow; Nnimmo Bassey; Shannon Biggs; Cormac Cullinan; Eduardo Galeano; Tom B.K. Goldtooth; Pat Mooney; Vandana Shiva; Pablo Solón; e outros. San Francisco (EUA): Council of Canadians, Fundación Pachamama, Global Exchange, 2011, p. 20-27.

Biografia do Autor

Maude Barlow, Trent University in Peterborough, Ontario

Doutora em Direito pela Trent University in Peterborough, Ontário, Canada (honorary degree), autora canadense e ativista. Presidente nacional do The Council of Canadians, uma organização de defesa dos cidadãos com membros em todo o Canadá. Co-fundadora do Projeto Planeta Azul, trabalha internacionalmente para o direito humano à água. Preside o conselho de Washington Food & Water Watch, é membro fundador do International Forum on Globalization e faz parte do Conselho World Future Council. com sede em Hamburgo.

Downloads

Publicado

2012-07-22

Edição

Seção

Dossiê: Sociedade e meio ambiente: olhar global, visões latinoamericanas - Organização: Prof. Dr. Luiz Fernando Scheibe