As verdades em Foucault e Benjamin: uma contribuição ao campo da memória social

Autores

  • Ricardo Salztrager Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, RJ
  • Felipe Teixeira Lourenço Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, RJ

DOI:

https://doi.org/10.5007/1807-1384.2017v14n1p41

Palavras-chave:

Verdade, Foucault, Benjamin, Filosofia, Memória Social

Resumo

A proposta deste artigo é analisar como o conceito de verdade é conceituado nos pensamentos de Foucault e Benjamin, destacando a crítica que ambos fazem aos referenciais platônicos. Destacaremos que, em suas teorias, o conceito de verdade deixa de atrelar-se à ideia de essência, passando a adquirir um caráter histórico e contingencial. Ademais, veremos que a verdade é concebida como uma produção e jamais como algo que se encontra escondido desde o princípio e que deve ser devidamente descoberto. Em Foucault, nos centramos nas mais diversas articulações que o conceito de verdade possui com os domínios do poder e do saber. Já de Benjamin, ressaltamos o quanto que o autor valoriza as múltiplas ressignificações que um acontecimento pode sofrer ao longo dos tempos. Portanto, examinamos o quanto Benjamin se distancia da ideia de verdade absoluta, optando por valorizar as mais diversas constelações de verdades e conhecimentos construídos a serem sempre reinterpretados e jamais cristalizados. Por fim, analisamos como nosso estudo pode contribuir para o campo de pesquisas em memória social, na medida em que este pode ser caracterizado como um domínio transdisciplinar que encara o seu objeto de estudo como algo processual.

Biografia do Autor

Ricardo Salztrager, Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, RJ

Doutor em Teoria Psicanalítica pela Universidade Federal do Rio de Janeiro. Professor do Programa de Pos-Graduação em Memória Social da Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, RJ, Brasil

Felipe Teixeira Lourenço, Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, RJ

Mestrando do Programa de Pós-Graduação em Memória Social da Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, RJ, Brasil Bolsista CAPES.

Referências

ARAÚJO, C. Verdade e espetáculo: Platão e a questão do ser. 1. ed. Rio de Janeiro: 7 Letras, 2014.

ARIÈS, P. História social da criança e da família. 2. ed. Rio de Janeiro: LTC, 2012.

BENJAMIN, W. O Narrador. In: BENJAMIN, W. Obras escolhidas I: magia e técnica, arte e política. 3ª Ed. São Paulo: Brasiliense, 1987. p. 197-221. (original publicado em 1936).

BENJAMIN, W. Sobre o conceito de história. In: BENJAMIN, W. Obras escolhidas I: magia e técnica, arte e política. 3ª Ed. São Paulo: Brasiliense, 1987. p. 222-232. (original publicado em 1940).

CHÂTELET, F. Uma história da razão: entrevistas como Émile Noel. 1. ed. Rio de Janeiro: Jorge Zahar Ed., 1994.

FOUCAULT, M. Nietzsche, a genealogia e a história. In: FOUCAULT, M. Microfísica do poder. 1. ed. Rio de Janeiro: Edições Graal, 1979a. p. 15-37.

FOUCAULT, M. Verdade e poder. In: FOUCAULT, M. Microfísica do poder. 1. ed. Rio de Janeiro: Edições Graal, 1979b. p. 1-14.

FOUCAULT, M. Vigiar e punir. 35. ed. Petrópolis: Vozes, 2008.

FRONTEROTTA, F. Verdade e espetáculo: Platão e a questão do ser. 1. ed. Rio de Janeiro: 7 Letras, 2014.

GAGNEBIN, J. M. História e narração em Walter Benjamin. 1. ed. São Paulo: Editora Perspectiva, 1994.

GARCIA-ROZA, L. A. Palavra e a verdade na filosofia antiga e na psicanálise. 5. ed. Rio de Janeiro: Jorge Zahar Ed., 2005.

GONDAR, J. Cinco proposições sobre memória social. Morpheus: revista de estudos interdisciplinares em memória social, Rio de Janeiro, v. 9, n. 15, p. 19-40, 2016.

HALBWACHS, M. A Memória coletiva. 1. ed. São Paulo: Centauro, 2003.

PLATÃO. A República. 1. ed. São Paulo: Nova Cultural, 1997.

ROUANET, S. Édipo e o anjo: itinerários freudianos em Walter Benjamin. 1. ed. Rio de Janeiro: Editora Tempos Brasileiros, 1990.

SARLO, B. Sete ensaios sobre Walter Benjamin e um lampejo. 1. ed. Rio de Janeiro: Editora UFRJ, 2013.

Downloads

Publicado

2017-01-08

Edição

Seção

Artigos - Condição Humana na Modernidade