Educação física escolar e futebol: o que pensam os alunos do ensino médio

Talita Ferreira, Evando Carlos Moreira

Resumo


Este estudo objetivou identificar e apresentar concepções, crenças e contextos episódicos do futebol que marcaram a vida dos sujeitos participantes - adolescentes/ estudantes - como conteúdo e estratégia de ensino nas aulas de Educação Física no Ensino Médio. Os relatos foram obtidos a partir do método de participação coletiva de opiniões, denominado “roda de conversa” com estudantes de uma escola estadual em Cuiabá-MT. O estudo indicou a necessidade de se pensar o futebol num contexto sócio-histórico nas aulas de Educação Física e não somente como elemento esportivo explorado a partir da vivência técnica e tática. Assim, os alunos poderão se perceber como cidadãos críticos e participativos socialmente e não apenas reprodutores de habilidades físicas e/ou idealizações midiáticas.

Palavras-chave


Futebol; Educação física; Sociologia

Texto completo:

PDF/A

Referências


BAUMAN, Zygmunt. Identidade. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 2006.

BETTI, Mauro. Mídias: aliadas ou inimigas da educação física escolar. Motriz. São Paulo, v. 7, n. 2, p. 125-129, jul./dez., 2001.

BRACHT, Valter. Sociologia crítica do esporte: uma introdução. Ijuí, RS: Unijuí, 2005.

BRACHT, Valter. Educação física e ciência: cenas de um casamento (in) feliz. Ijuí, RS: Unijui, 1999.

COIMBRA, Cecília Maria Bouças. Mídia e produção de modos de existência. Psicologia: teoria e pesquisa, Brasília, DF, v. 17, n. 1, p. 1-4, jan./ abr., 2001.

DAMATTA, Roberto. Universo do futebol: esporte e sociedade brasileira. Rio de Janeiro: Pinakotheke, 1982.

DARIDO, Suraya Cristina. Apresentação e análise das principais abordagens da educação física escolar. Revista brasileira de ciências do esporte, Florianópolis, SC, v. 20, n. 1, p. 58-66, set., 1998.

GASKELL, George. Entrevistas individuais e grupais. In: BAUER, Martin W.; GASKELL, George; (Orgs.). Pesquisa qualitativa com texto, imagem e som: um manual prático. Petrópolis: Vozes, 2002, p. 64-89.

GOMES, Paola Basso Menna Barreto. Mídia, imaginário de consumo e educação. Educação & Sociedade, Campinas, SP, v. 22, n. 74, p. 191-207, abr., 2001.

GIL, Antonio Carlos. Métodos e técnicas de pesquisa social. São Paulo: Atlas, 1999.

GONÇALVES, Maria Augusta Salim. Sentir, pensar e agir: corporeidade e educação. Campinas, SP: Papirus, 1994.

HELAL, Ronaldo. Futebol e comunicação: a consolidação do campo acadêmico no Brasil. Comunicação, mídia e consumo. São Paulo, v. 8, n. 21, p. 11-37, mar., 2011.

HUIZINGA, Johan. Homo ludens: o jogo como elemento da cultura. São Paulo: Perspectiva, 2004.

LOVISOLO, Hugo. Sociologia do esporte: viradas argumentativas. Encontro Anual da Anpocs, 26. Anais... Caxambu, MG, p. 1-16, 2002. Disponível em: . Acesso em: 07 de jun. 2016.

MEDINA, João Paulo Subirá. A educação física cuida do corpo e..."mente": bases para a renovação e transformação da educação física. Campinas, SP: Papirus, 2006.

MELO, Victor Andrade de. Reflexão sobre a história da educação física no Brasil: uma abordagem historiográfica. Movimento. Porto Alegre, RS, v. 3, n. 4, p. 41-48, 1996.

MINAYO, Maria Cecília de Souza. O desafio do conhecimento: pesquisa qualitativa em saúde. São Paulo: Hucitec/ Rio de Janeiro: Abrasco, 1992.

NASCIMENTO, Maria Anezilany Gomes do; SILVA, Cícero Nilton Moreira da. Rodas de conversa e oficinas temáticas: experiências metodológicas de ensino-aprendizagem em geografia. Encontro Nacional de Prática de Ensino em Geografia, 10. Anais... Porto Alegre, RS, p. 1-11, 2009. Disponível em < http://www.agb.org.br/XENPEG/artigos/Poster/P%20(36).pdf > Acesso em: 07 de jun. 2016.

NEIRA, Marcos Garcia. Formação para a docência: o lugar da educação física na educação básica. In: SCHNEIDER, Omar; GRUNENNVALDT, José Tarcísio; KUHN, Roselaine; RIBEIRO, Sérgio Dorensk Dantas. Educação física, esporte e sociedade: temas emergentes. São Cristóvão, SE: UFS, 2008

NEIRA, Marcos Garcia; NUNES, Mario Luiz Ferrari. Pedagogia da cultura corporal: crítica e alternativas. São Paulo, SP: Phorte, 2008.

OLIVEIRA, Silvio Luiz de. Metodologia da pesquisa. In: OLIVEIRA, Silvio Luiz de. Tratado de metodologia científica: projetos de pesquisa, tgi, tcc, monografias, dissertações e teses. São Paulo: Pioneira, 1999.

RUBIO, Katia. O atleta e o mito do herói. São Paulo: Casa do Psicólogo, 2001.

SALUN, Alfredo Oscar. Palestra Itália e Corinthians: quinta coluna ou buona gente? 2008. 282f. Tese (Doutorado em História Social). Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas, Universidade de São Paulo, São Paulo, 2008.

SAMPIERI, Roberto Hernandez; COLLADO, Carlos Fernández; LUCIO, María del Pilar Batista. Metodologia de pesquisa. São Paulo: McGraw Hill, 2006.

SEVERINO, Antonio Joaquim. Metodologia do trabalho científico. São Paulo: Cortez, 2000.

SOARES, Carmen Lúcia et al. Metodologia do ensino de educação física. São Paulo: Cortez, 1992.

SOARES, Carmen Lúcia. Educação física: raízes européias e Brasil. Campinas, SP: Autores Associados, 1994

SODRÉ, Muniz. Futebol, teatro ou televisão. In: SODRÉ, Muniz. O monopólio da fala. Petrópolis, RJ: Vozes, 1977.

VARGAS, Angelo Luiz. Desporto: fenômeno social. Rio de Janeiro: Sprint, 1995.

VELHO, Gilberto. Memória, cultura e sociedade. In: LEIBING, Anete; LÜHL-BENNINGHOFF, Sibylle. (Orgs.). Devorando o tempo: Brasil, o país sem memória. São Paulo: Mandarim, 2001.

WISNIK, José Miguel. Veneno remédio: o futebol e o Brasil. São Paulo: Companhia das Letras, 2008.




DOI: https://doi.org/10.5007/2175-8042.2019e56400



R. Motriviv., Florianópolis, Santa Catarina, Brasil, ISSNe: 2175-8042.

Os textos publicados na Revista Motrivivência estão licenciados com uma Licença Creative Commons de atribuição não comercial compartilhar igual: CC BY-NC-SA