O ensino do desenho nas escolas de Minas Gerais nas primeiras décadas do novecentos

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5007/2175-795X.2022.e89471

Palavras-chave:

Legislação, Saberes escolares, Ensino do Desenho

Resumo

O presente artigo descreve uma investigação que teve como objetivo verificar a presença do ensino do Desenho nos currículos das escolas normais, primárias e complementares de Minas Gerais, entre os anos de 1906 a 1927. Como fontes primárias, foram arrolados documentos referentes à legislação escolar e manuais didáticos de Desenho editados no final do século XIX e início do século XX. A pesquisa se fundamenta nos referenciais da História Cultural. No tocante ao Curso Normal, buscou-se determinar os saberes a ensinar e os saberes para ensinar relativos à rubrica Desenho. Foi possível a formulação de algumas inferências através do exame da legislação e da confrontação entre a documentação oficial e os impressos didáticos. A análise da legislação indica que houve uma determinação para o ensino do Desenho, como forma de expressão e como método de resolução de problemas de geometria, com uma clara indicação de encerrar, neste último caso, um objetivo propedêutico quanto à formação profissional. Constatam-se propostas que visavam favorecer a inclusão de novas práticas no interior do ambiente escolar. O senso estético, presente nos ideais escolanovistas, ficou evidenciado nos programas e instruções para o ensino de Geometria e Desenho.

Biografia do Autor

Elenice de Souza Lodron Zuin, Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais, PUC/MG

Doutora em Educação Matemática pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, PUC/SP

Referências

BRASIL. Decreto n. 7.247, de 19 de abril de 1879. In: BRASIL. Collecção de Leis do Império do Brasil. Rio de Janeiro: Typographia Nacional, 1880. v. I, pt. II.

CAMBI, Franco. História da Pedagogia. São Paulo: Editora da UNESP, 1999.

CHARTIER, Roger. História cultural: entre práticas e representações. Tradução de Maria

Manuela Galhardo. Rio de Janeiro: Berthand do Brasil, 1990.

CHERVEL, André. História das disciplinas escolares: reflexões sobre um campo de pesquisa. Teoria & Educação, n. 2, p. 177-229, 1990.

D’ENFERT, René. Inventer une géométrie pour l’école primaire au XIXe siêcle. Tréma, n. 22, 2003. 8p.

FRANCOEUR, Louis Benjamin. L'enseignement du dessin linéaire d’aprés une méthode aplicable a toutes lês écoles primaries. 2. ed. Paris: Chez Louis Colas, Libraire, 1827.

GAMA, Ayres de Albuquerque. Elementos de Desenho Linear. 1. ed. Rio de Janeiro: H. Garnier, 1872.

GAMA, Ayres de Albuquerque. Elementos de Desenho Linear. 6. ed. Rio de Janeiro: H. Garnier, 1910.

HOFSTETTER, Rita; SCHNEUWLY, Bernard. Saberes: um tema central para as profissões do ensino e da formação. In: HOFSTETTER, Rita; VALENTE, Wagner R. (orgs.) Saberes em (trans)formação: tema central da formação de professores. São Paulo: Livraria da Física. 2017. p. 113-172.

MACHADO, Maria Cristina Gomes. O projeto de Rui Barbosa: o papel da educação na modernização da sociedade. In: Reunião Anual da ANPED, 23, Caxambu, 2000. Anais [...] (CD-Rom), 2000.

MATOS, Aníbal. O estudo do desenho e a cultura dos sentimentos estheticos. Revista do Ensino, ano 1, n. 4, p. 83,1925.

MINAS GERAES. Decreto n. 1.960, de 16 de dezembro de 1906. Regulamento da Instrucção primaria e normal. In: MINAS GERAIS. Collecção das Leis e Decretos do Estado de Minas Gerais. Bello Horizonte: Imprensa Official, 1906c.

MINAS GERAES. Decreto n. 1.960, de 16 de dezembro de 1906. Regulamento da Instrucção primaria e normal. Bello Horizonte: Imprensa Official, 1906b. (Arquivo Público Mineiro).

MINAS GERAES. Decreto n. 1.982, de 18 de fevereiro de 1907. (Arquivo Público Mineiro)

MINAS GERAES. Decreto n. 2.836, de 31 de maio de 1910. In: MINAS GERAIS. Collecção das Leis e Decretos do Estado de Minas Gerais. Bello Horizonte: Imprensa Official, 1910.

MINAS GERAES. Decreto n. 3.405, de 15 de janeiro de 1912. In: MINAS GERAIS. Collecção das Leis e Decretos do Estado de Minas Gerais. Bello Horizonte: Imprensa Official, 1912a.

MINAS GERAES. Decreto n. 3.798, de 05 de novembro de 1912. In: MINAS GERAIS. Collecção das Leis e Decretos do Estado de Minas Gerais. Bello Horizonte: Imprensa Official, 1912b.

MINAS GERAES. Decreto n. 3191, de 09 de junho de 1911. In: MINAS GERAIS. Collecção das Leis e Decretos do Estado de Minas Gerais. Bello Horizonte: Imprensa Official, 1911.

MINAS GERAES. Decreto n. 4.041, de 04 de novembro de 1913. In: MINAS GERAIS. Collecção das Leis e Decretos do Estado de Minas Gerais. Bello Horizonte: Imprensa Official, 1913.

MINAS GERAES. Decreto n. 4.524, de 21 de fevereiro de 1916. In: MINAS GERAIS. Collecção das Leis e Decretos do Estado de Minas Gerais. Bello Horizonte: Imprensa Official, 1916.

MINAS GERAES. Decreto n. 4.530, de 06 de fevereiro de 1918. In: MINAS GERAIS. Collecção das Leis e Decretos do Estado de Minas Gerais. Bello Horizonte: Imprensa Official, 1918.

MINAS GERAES. Decreto n. 6.655, de 19 de agosto de 1924. In: MINAS GERAIS. Collecção das Leis e Decretos do Estado de Minas Gerais. Bello Horizonte: Imprensa Official, 1925.

MINAS GERAES. Decreto n. 6.758, de 1° de janeiro de 1925. In: MINAS GERAIS. Collecção das Leis e Decretos do Estado de Minas Gerais. Bello Horizonte: Imprensa Official, 1926.

MINAS GERAES. Decreto n. 7.970-A, de 15 de outubro de 1927. In: MINAS GERAIS. Collecção das Leis e Decretos do Estado de Minas Gerais. Bello Horizonte: Imprensa Official, 1928.

MINAS GERAES. Decreto n. 8.162, 29 de janeiro de 1928. In: MINAS GERAIS. Collecção das Leis e Decretos do Estado de Minas Gerais. Bello Horizonte: Imprensa Official, 1929.

MINAS GERAES. Documentos oficiais. Seção Provincial. (Arquivo Público Mineiro).

MINAS GERAES. Lei n. 1.947, de 30 de setembro de 1906. Programma do Ensino Publico Primário no Estado de Minas Geraes. Bello Horizonte: Imprensa Official, 1907.

MINAS GERAES. Lei n. 800, de 27 de setembro de 1920. In: MINAS GERAIS. Collecção das Leis e Decretos do Estado de Minas Gerais. Bello Horizonte: Imprensa Official, 1920.

MINAS GERAES. Secretaria da Educação. Lei n. 439, de 28 de setembro de 1906. Bello Horizonte: Imprensa Official, 1906a.

MOURÃO, Paulo Krüger Correa. O ensino em Minas Gerais no tempo da República. Belo Horizonte: Centro Regional de Pesquisas Educacionais de Minas Gerais, 1962.

PACHECO, Paulino Martins. Curso de desenho linear geometrico. 3. ed. Rio de Janeiro: Laemmert & Comp. Editores, 1905.

PAIS, Luiz Carlos. Didática da Matemática: uma análise da influência francesa. Belo Horizonte: Autêntica: 2001.

PASSOS, Daniela Oliveira R. A formação urbana e social da nova Capital de Minas Gerais:

hierarquização e estratificação do espaço belorizontino no início do século XX (1897-1930). ENCONTRO ANUAL DA ANPOCS, 37, 2013, Águas de Lindoia. Anais [...], São Paulo: ANPOCS, 2013.

TRONQUOY, Amable. Dessin Linéaire Géométrique et Éléments de Lavis. Paris: Ch. Delagrave et Cie, Libraires-Éditeurs, 1870.

VALENTE, Wagner Rodrigues. Uma história da Matemática escolar no Brasil (1730-1930). São Paulo: Anna Blume, 1999.

VEIGA, Cynthia Greive. Educação estética para o povo. In: LOPES, Eliane M; FARIA FILHO, Luciano M.; VEIGA, Cynthia G. (org.). 500 anos de Educação no Brasil. 2. ed. Belo Horizonte: Autêntica, 2000. p. 399-421.

ZUIN, Elenice de Souza Lodron. Da régua e do compasso: as construções geométricas como um saber escolar no Brasil. 2001. 211 f. Dissertação (Mestrado em Educação) – Faculdade de Educação, Universidade Federal de Minas Gerais, Belo Horizonte, 2001.

Downloads

Publicado

2022-08-29

Como Citar

Zuin, E. de S. L. (2022). O ensino do desenho nas escolas de Minas Gerais nas primeiras décadas do novecentos. erspectiva, 40(2). https://doi.org/10.5007/2175-795X.2022.e89471

Edição

Seção

A produção do currículo de matemática: história e perspectivas atuais