Construção de capacitores de grafite sobre papel, copos e garrafas plásticas, e medida de suas capacitâncias

João Bernardes da Rocha Filho, Marcos Alfredo Salami, Cláudio Galli, Manuela Klanovicz Ferreira, Tiago Stein Motta, Rita de Cássia Costa

Resumo


Este artigo apresenta um conjunto de atividades realizadas no Laboratório Especial de Física do NAECIM1/MCT2/PUCRS3, entre março de 2003 e dezembro de 2004, envolvendo a utilização, para o ensino de Física, de capacitores construídos com grafite deposta sobre folhas de cartolina e lâminas plásticas recortadas de copos descartáveis e garrafas de refrigerantes. Também foram determinadas as capacitâncias deses capacitores, sempre utilizando técnicas de baixo custo, tanto na construção quanto na medição das capacitâncias. A atividade foi desenvolvida com alunos de graduação em Física, do Mestrado em Educação em Ciências e Matemática da PUCRS, e também com grupos de alunos do Ensino Médio de escolas de Porto Alegre que participam de um programa de intercâmbio com o MCT/PUCRS, e foi, em parte, tema de dissertação defendida em março de 2004, naquele mestrado. A técnica permite ao estudante construir capacitores com alto grau de liberdade, utilizando lápis e retalhos de cartolina ou plástico, além de um multímetro para a medição das suas capacitâncias. Os resultados desse trabalho revelaram-se satisfatórios, uma vez que ele colabora com o processo de compreensão e aprendizagem desse assunto, promovendo o engajamento e a livre participação de todos os alunos, em uma atividade simultaneamente educativa e lúdica.


Palavras-chave


Ensino de Física; experimentação; Ensino de Física; experimentação; capacitânciacapacitância

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5007/%25x

 


Cad. Bras. Ens. Fís. UFSC, Florianópolis, SC, Brasil - - - eISSN 2175-7941 - - - está licenciada sob Licença Creative Commons
> > > > >