A resiliência das mulheres que sofreram violência doméstica: uma revisão

Autores

  • Patricia Andrea Sulsbach Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, SC

DOI:

https://doi.org/10.5007/1807-1384.2018v15n1p111

Resumo

Na produção científica sobre violência contra a mulher inclui-se estudos sobre como mulheres vítimas da violência doméstica enfrentam essa situação. Desta forma, pretendeu-se conhecer o que está sendo propagado em revistas nacionais e internacionais sobre o processo de resiliência no cotidiano dessas mulheres. Definiram-se como critérios de inclusão: artigos publicados nos últimos cinco anos, disponíveis online integralmente e de abordagem qualitativa. Foram encontrados oito artigos pelo portal de serviços PubMed e bases de dados e portais da Biblioteca Virtual em Saúde entre janeiro a novembro de 2016. Constatou-se que algumas mulheres sofrem caladas pelos abusos cometidos dentro de casa, enquanto outras enfrentam a violência sozinhas ou com ajuda de amigos, familiares ou grupos de apoio social. Mesmo assim, há descrédito nestes serviços por parte das mulheres. Existe necessidade de incremento de estudos em parceria com serviços de apoio às mulheres que sofreram violência doméstica e ampliação das discussões que envolvem a responsabilidade de cada um por seu território. 

Biografia do Autor

Patricia Andrea Sulsbach, Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, SC

Mestre em Enfermagem pela Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, SC, Brasil. Enfermeira.

Downloads

Publicado

2018-02-02

Edição

Seção

Artigos - Estudos de Gênero