O processo de construção do corpus de referência em Ciência da Informação

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5007/1518-2924.2019.e65166

Palavras-chave:

Folksonomia assistida, Indexação social, Modelo colaborativo de indexação social, Política de indexação social, Ciência da Informação

Resumo

Objetivo: O presente trabalho propõe e aplica um percurso metodológico para a construção de corpus de referência na área de Ciência da Informação. Método: A metodologia da pesquisa pode ser classificada como exploratória, empírica e estudo de caso. Para a pesquisa foi delimitado o uso do corpus composto por 60 artigos selecionados por Souza (2005) e a adoção do Tesauro Brasileiro de Ciência da Informação (TBCI) como linguagem de indexação. O percurso metodológico proposto consistiu da adaptação de um modelo colaborativo de indexação social, assim como a elaboração de uma política de indexação social e a configuração e uso de um software para a construção de uma folksonomia assistida por grupos de usuários. A folksonomia assistida foi então analisada visando à compilação do corpus de referência. Resultado: O modelo colaborativo de indexação social foi obtido por meio da configuração da plataforma de gerenciamento de coleção denominada Tainacan, mais especificamente na configuração e preparação de uma coleção no software. Foi desenvolvida uma política de indexação social assistida e houve instrução aos grupos de usuários indexadores de forma a guiá-los no processo de indexação. A análise da folksonomia resultante se deu mediante comparação dos termos com as palavras-chave dos autores e com termos do TBCI, permitindo a posterior correção e exclusão de termos inadequados na compilação do corpus. Conclusões: Conclui-se que o percurso metodológico proposto se mostra eficaz na construção de corpus de referência no âmbito da Ciência da Informação.

Biografia do Autor

Bruno Felipe de Melo Silva, Universidade Federal de Alagoas

Mestre em Ciência da Informação, bibliotecário na Universidade Federal de Alagoas.

Renato Fernandes Correa, Universidade Federal de Pernambuco

Doutor em Ciência da Computação, docente do Departamento de Ciência da Informação e do Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação.

Referências

BANDIM, M. A. S.; CORRÊA, R. F. A consistência na indexação automática por atribuição de artigos científicos na área de Ciência da Informação. Encontros Bibli: revista eletrônica de biblioteconomia e ciência da informação, Florianópolis, v. 23, n. 53, p.64-77, set. 2018. DOI: https://doi.org/10.5007/1518-2924.2018v23n53p64 .

BANDIM, M. A. S.; CORREA, R. F. Indexação automática por atribuição de artigos científicos em português da área de Ciência da Informação. Transinformação, v. 31, p. 1-12, 2019. DOI: https://doi.org/10.1590/2318-0889201931e180004

CARNEIRO, M. V. Diretrizes para uma política de indexação. R. Esc. Biblioteconomia. UFMG, Belo Horizonte, v.14, n.2, p.221-241, set. 1985.

CORRÊA, R. F.; CELERINO, V. G. Método de normalização de sintagmas nominais na indexação automática. EM QUESTÃO, v. 25, p. 321-344, 2019. DOI: https://doi.org/10.19132/1808-5245251.321-344 .

CORREA, R. F.; SANTOS, R. F. dos. Análise das definições de folksonomia: em busca de uma síntese. Perspectivas em Ciência da Informação, Belo Horizonte , v. 23, n. 2, p. 1-32, jun. 2018. DOI: https://doi.org/10.1590/1981-5344/2571.

FUJITA, M. S. L.; RUBI, M. P. Um modelo de leitura documentária para a indexação de artigos científicos: princípios de elaboração e uso para a formação de indexadores. DataGramaZero, Rio de Janeiro, v. 7, n. 3, p. 1-19. jun. 2006.

GIL, A. C. Como elaborar um projeto de pesquisa. 4. ed. São Paulo: Atlas, 2002. 176 p.

GIL LEIVA, I.; RUBI, M. P.; FUJITA, M. S. L. Consistência na indexação em bibliotecas universitárias brasileiras. Transinformação, v. 20, n. 3, p. 233-253, set./dez. 2008. DOI: https://doi.org/10.1590/S0103-37862008000300003.

GUIMARÃES, J. A. C. Políticas de análisis y representación de contenido para La gestión del conocimiento en las organizaciones. Scire, Zaragoza, v. 6, n. 2, p. 48-58, jul./dez. 2000.

HASAN, K. S.; NG, V. Automatic Keyphrase Extraction: A Survey of the State of the Art. In: ANNUAL MEETING OF THE ASSOCIATION FOR COMPUTATIONAL LINGUISTICS, 52., 2014, Baltimore. Proceedings... . Baltimore: Association For Computational Linguistics, 2014. p. 1262 - 1273.

LANCASTER, F. W. Indexação e resumos: teoria e prática. 2. ed. Brasília: Briquet de. Lemos, 2004. 452 p.

MARCONI, M. A.; LAKATOS, E. M. Fundamentos de metodologia científica. 5.ed. São Paulo: Editora Atlas, 2006. 315 p.

ROSCHELLE, J.; TEASLEY, S. D. The Construction of Shared Knowledge in Collaborative Problem Solving. Computer Supported Collaborative Learning, Berlim, v. 25, p.69-97, 1995.

SANTARÉM SEGUNDO, J. E. Representação Iterativa: um modelo para repositórios digitais. Marília, SP, 2010. 224 f. Tese (Doutorado) – Curso de Ciência da Informação, Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Marília, SP, 2010.

SANTAREM SEGUNDO, J. E.; SIQUEIRA, C. S. Aplicación teórico-conceptual de folksonomías asistidas para la recuperación de información. Scire, Zaragoza, v. 19, n. 2, p.77-82, 2013.

SANTARÉM SEGUNDO, J. E.; VIDOTTI, S. A. B. G. Representação Iterativa e folksonomia assistida para repositórios digitais. Liinc em Revista, Rio de Janeiro, v.7, n.1, mar. 2011, p. 283-300. DOI: https://doi.org/10.18617/liinc.v7i1.414 .

SANTOS, R. F. Modelos colaborativos de indexação social e a sua aplicabilidade na base de dados referencial de artigos de periódicos em Ciência da Informação (BRAPCI). 2016. 185 f. Dissertação (Mestrado) - Curso de Ciência da Informação, Departamento de Ciência da Informação, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2016.

SANTOS, R. F.; CORRÊA, R. F. Modelos colaborativos de indexação social e sua aplicabilidade em bibliotecas digitais. Liinc em Revista, v. 11, n. 1, 2015. DOI: https://doi.org/10.18617/liinc.v11i1.768

SILVA, M. F. Proposta de modelo de colaboração para catálogo web facetado. Belo Horizonte, 2013. 269 f. Tese (Doutorado) – Curso de Ciência da Informação, Universidade Federal de Minas Gerais, Belo Horizonte, 2013.

SOUZA, R. R. Uma proposta de metodologia para escolha automática de descritores utilizando sintagmas nominais. 2005. 215 f. Tese (Doutorado) - Curso de Ciência da Informação, Escola de Ciência da Informação, Universidade Federal de Minas Gerais, Belo Horizonte, 2005.

SOUZA, R. R. Uma proposta de metodologia para indexação automática utilizando sintagmas nominais. Encontros Bibli: Revista Eletrônica de Biblioteconomia e Ciência da Informação, n. esp. 1. sem., p. 42-59, 2006. DOI: https://doi.org/10.5007/1518-2924.2006v11nesp1p42.

Downloads

Publicado

2019-10-14

Como Citar

Silva, B. F. de M., & Correa, R. F. (2019). O processo de construção do corpus de referência em Ciência da Informação. Encontros Bibli: Revista eletrônica De Biblioteconomia E Ciência Da informação, 24(56), 01-27. https://doi.org/10.5007/1518-2924.2019.e65166

Edição

Seção

Artigo