Ensino de Física nas séries iniciais: um estudo de caso sobre formação docente

Cristiane Rodrigues de Rodrigues, Suzana Maria Coelho, Aline Scaramuzza Aquino

Resumo


O presente trabalho apresenta resultados parciais de uma pesquisa desenvolvida com o objetivo de investigar o perfil epistemológico, atitudes e reações de futuros professores de séries iniciais do Ensino Fundamental, num contexto de oficinas centradas na experimentação com materiais de baixo custo no campo da eletricidade estática. A principal técnica de coleta de dados foi a observação participante. Os resultados apontam obstáculos de ordem conceitual, linguística e psico-cognitiva, mas indicam também reações positivas, por parte dos sujeitos da pesquisa, como preocupação com a prática docente e com a aprendizagem do aluno. A maioria dos participantes manifestou ideias condizentes com concepções construtivistas de ensino e aprendizagem, mas permaneceram, em alguns discursos, indícios de dificuldades de ruptura com modelos pedagógicos tradicionais. Concluiu-se que a metodologia experimental, além de ter favorecido o desenvolvimento cognitivo e de atitudes investigativas, possibilitou, graças à mediação e à interação propiciadas, uma tomada de consciência de possíveis estratégias didático-pedagógicas inovadoras em sala de aula.


Palavras-chave


Formação de professores; ensino de Física; séries iniciais.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5007/2175-7941.2009v26n3p575

 


Cad. Bras. Ens. Fís. UFSC, Florianópolis, SC, Brasil - - - eISSN 2175-7941 - - - está licenciada sob Licença Creative Commons
> > > > >