Estudo da evasão dos estudantes de Licenciatura e Bacharelado em Física: uma análise à luz da Teoria do Sistema de Ensino de Bourdieu

João Fernandes, Michele Hidemi Ueno Guimarães, André Robert, Marinez Meneghello Passos

Resumo


A evasão e a retenção são problemas que circundam os cursos de Física por todo o Brasil. Neste artigo, apresentamos os resultados de uma investigação, que se propôs a levantar alguns dos motivos relacionados a esses fenômenos. Para isso, foram feitas entrevistas com estudantes e os professores dos cursos de Licenciatura e Bacharelado em Física da Universidade Federal de Ouro Preto. Para o estudo dessa problemática assumimos a Teoria do Sistema de Ensino de Bourdieu, evidenciando as diversas relações de dominância existentes nos cursos, o que contribui para que a evasão e a retenção nesta Universidade analisada sejam altíssimas. Entre as conclusões a que chegamos, após os procedimentos analíticos do corpus investigativo, ou seja, dos relatos coletados, destacamos: para os estudantes esses motivos concentram-se nas relações pessoais “complicadas” com os professores e na rotina “acelerada” nas repúblicas em que residem; para os professores, o principal fator está relacionado ao uso do curso de Física como um “trampolim” para outros cursos, principalmente, Engenharias.


Palavras-chave


Evasão; Licenciatura e Bacharelado em Física; Relações de Dominância

Texto completo:

PDF/A

Referências


ABRAMOVAY, M.; CASTRO, M. G. Ensino médio: múltiplas vozes. Brasília: MEC, 2003.

ALMEIDA, J. B.; SCHIMIGUEL, J. Avaliação sobre as causas da evasão escolar no ensino superior: estudo de caso no curso de licenciatura em Física no Instituto Federal do Maranhão. REnCiMa, São Paulo, v. 2, n. 167, p. 167-178, 2011.

BAGGI, C. A. S.; LOPES, D. A. Evasão e avaliação institucional no ensino superior: uma discussão bibliográfica. Avaliação, Campinas; Sorocaba, v. 16, n. 2, p. 355-374, 2011.

BARROSO M. F.; FALCÃO, E. B. M. Evasão universitária: o caso do Instituto de Física da UFRJ. In: ENCONTRO NACIONAL DE PESQUISA EM ENSINO DE FÍSICA, 9, 2004, Jaboticatubas. Anais [...], Jaboticatubas: Sociedade Brasileira de Física, 2004. p. 1-14.

BOURDIEU, P. A Escola Conservadora: as desigualdades frente à escola e à cultura. In: NOGUEIRA, M. A.; CATANI, A. (org.). Escritos da Educação. Petrópolis: Vozes, 1998. p. 229-237.

BOURDIEU, P. Coisas ditas. São Paulo: Brasiliense, 2004.

BOURDIEU P.; PASSERON, J. C. Les Héritiers. Les étudiants et la culture. Paris: Les Editions de Minuit, 1964.

BOURDIEU, P.; PASSERON, J. C. A reprodução: elementos para uma Teoria do Sistema de Ensino. 2. ed. Petrópolis: Vozes, 2009a.

BOURDIEU, P.; PASSERON, J. C. A reprodução: elementos para uma Teoria do Sistema de Ensino. Recensão de Ana Paula Rosendo. Covilhã: LusoSofia, 2009b.

CARVALHO, G. L.; UENO-GUIMARAES, M. H. Fatores que influenciam a desistência/permanência de estudantes da graduação em Física. In: ENCONTRO DE SABERES, 2019a, Universidade Federal de Ouro Preto.

CARVALHO, G. L.; UENO-GUIMARAES, M. H. O processo de evasão no curso de graduação em Física: aspectos influenciadores. LEPSI, 13, 2019b, Universidade Federal de Ouro Preto.

FERREIRA, J. M. Um olhar sobre a evasão no curso Licenciatura em Física da Universidade Estadual do Centro-Oeste. 55f. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso - Departamento de Física da Universidade Estadual do Centro-Oeste, Guarapuava.

HOLANDA, T. Estudantes da Ufop bebem mais que alunos de todas federais no Brasil. Estado de Minas, 2012. Disponível em:

. Acesso em: 28 jan. 2020.

LIMA JÚNIOR, P.; OSTERMANN, F.; REZENDE, F. Análise dos condicionantes sociais da evasão e retenção em cursos de graduação em Física à luz da sociologia de Bourdieu. Revista Brasileira de Pesquisa em Educação em Ciências, v. 12, n. 1, p. 37-60, 2012.

RABELO, L. O. A evasão de alunos do curso de Física do Campus de Guaratinguetá da UNESP. 54f. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso - Faculdade de Engenharia de Guaratinguetá da Universidade Estadual Paulista Julio de Mesquita Filho, Guaratinguetá.

SILVA, M. B. S.; FRANCO, V. S. Um estudo sobre a evasão no curso de Física da Universidade Estadual de Maringá: modalidade presencial versus modalidade à distância. Revista Brasileira de Aprendizagem Aberta e à Distância, São Paulo, v. 13, 2014.

SILVA FILHO, R. L. L.; MONTEJUNAS, P. R.; HIPÓLITO, O.; LOBO, M. B. de C. M. A evasão no ensino superior brasileiro. Caderno de Pesquisa, São Paulo, v. 37, n. 132, p. 641-659, dec. 2007. Doi: http://dx.doi.org/10.1590/S0100-15742007000300007.

SOARES, M. M. A evasão nos cursos de Licenciatura em Física: uma breve revisão bibliográfica. 22f. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso - Universidade Estadual da Paraíba, João Pessoa.

UENO, M. H. A “tensão essencial” na formação do professor de Física: entre o pensamento convergente e o pensamento divergente. 156f. 2004. Dissertação (Mestrado em Ensino de Ciências e Educação Matemática) - Departamento de Física, Universidade Estadual de Londrina, Londrina.

UENO-GUIMARÃES, M. H. A escolha pela Física: gosto ou desafio? Saarbrücken: Ed. Novas Edições Acadêmicas, 2014.




DOI: https://doi.org/10.5007/2175-7941.2020v37n1p105

 


Cad. Bras. Ens. Fís. UFSC, Florianópolis, SC, Brasil - - - eISSN 2175-7941 - - - está licenciada sob Licença Creative Commons
> > > > >