O Programa Segundo Tempo e seu processo de capacitação: análise e proposições

Heitor de Andrade Rodrigues, Luiz Gustavo Bonatto Rufino, Osmar Moreira de Souza Júnior, Silvano da Silva Coutinho

Resumo


O presente estudo objetivou refletir sobre o modelo de capacitação do “Programa Segundo Tempo”, buscando-se realizar proposições visando o aprofundamento da compreensão sobre a capacitação regional, incluindo novos olhares para esse processo. Para isso, realizou-se uma discussão sobre os temas: o processo de capacitação; os limites impostos ao atual modelo de capacitação; possíveis caminhos para qualificação do trabalho. Por fim, apresentou-se uma proposta complementar ao atual modelo de capacitação, a partir dos pressupostos da racionalidade prática, visando o aprimoramento dos processos de capacitação, valorizando ações reflexivas oriundas da prática, para que sejam viabilizadas melhorias efetivas nas ações do programa.


Palavras-chave


Educação Física; Esporte; Lazer

Texto completo:

PDF/A


DOI: https://doi.org/10.5007/2175-8042.2012v24n38p108



R. Motriviv., Florianópolis, Santa Catarina, Brasil, ISSNe: 2175-8042.

Os textos publicados na Revista Motrivivência estão licenciados com uma Licença Creative Commons de atribuição não comercial compartilhar igual: CC BY-NC-SA