A gestão do desejo dos corpos através da comunicação e mídia: um estudo panorâmico-monográfico dos periódicos da Educação Física brasileira

Cristiano Mezzaroba, Fabio Zoboli, Elder Silva Correia

Resumo


O incessante fluxo de afecções geradas pela mídia constrói corpos que refletem subjetividades que organizam ações corpóreas de relações. O presente texto objetivou analisar a produção do conhecimento da temática “corpo” ligada a pesquisas de “comunicação” e “mídia” em periódicos da Educação Física (EF) brasileira no período de 2000-2015 a fim de visualizarmos os modos como este campo de saber vem estudando as afecções midiáticas que giram em torno da temática do corpo. Caracterizou-se como um estudo qualitativo de revisão bibliográfica de cunho panorâmico-monográfico, tendo como amostra textos completos online de 12 periódicos da EF brasileira classificados como A1, A2, B1, B2, B3 e B4 pelo WebQualis da Capes. Concluímos que o corpo tratado nesses textos se apresenta como um ponto de ancoragem para a articulação de afetações e desejos, ou seja, o corpo da comunicação e da mídia é um corpo em contínua luta política.


Palavras-chave


Corpo; Comunicação; Mídia; Produção do conhecimento; Periódicos da educação física

Texto completo:

PDF/A


DOI: https://doi.org/10.5007/2175-8042.2018v30n55p258



R. Motriviv., Florianópolis, Santa Catarina, Brasil, ISSNe: 2175-8042.

Os textos publicados na Revista Motrivivência estão licenciados com uma Licença Creative Commons de atribuição não comercial compartilhar igual: CC BY-NC-SA