A Memória da Greve da FNM/FIAT na Imprensa Operária da Baixada Fluminense

Autores

  • Alvaro de Oliveira Senra Centro Federal de Educação Tecnológica Celso Suckow da Fonseca (CEFET-RJ)
  • Flávio Anicio Andrade Instituto Multidisciplinar / Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ)

DOI:

https://doi.org/10.5007/1984-9222.2013v5n10p145

Palavras-chave:

Imprensa operária, Sindicalismo, Movimentos sociais

Resumo

Este texto aborda o registro da greve promovida pelos operários da FIAT Diesel, em Duque de Caxias-RJ, no ano de 1979. Por suas reivindicações e formas de organização e luta, essa greve pode ser considerada como um momento do “novo sindicalismo” brasileiro. Ao mesmo tempo, utiliza-se como fonte privilegiada de tal análise não o registro produzido pela grande imprensa, mas um jornal que se propôs divulgador do movimento popular da Baixada Fluminense: o Jornal da Baixada, editado em São João de Meriti-RJ.

Biografia do Autor

Alvaro de Oliveira Senra, Centro Federal de Educação Tecnológica Celso Suckow da Fonseca (CEFET-RJ)

Graduado em História pela UFRJ

Doutor em Ciências Sociais pela UERJ

Professor do CEFET-RJ

Flávio Anicio Andrade, Instituto Multidisciplinar / Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ)

Graduado em Ciências Sociais (UFF)

Doutor em  Educação (USP)

Professor do Instituto Multidisciplinar da UFRRJ

Downloads

Publicado

2013-12-20