A saúde de quem? Uma etnografia crítica sobre a saúde na Educação Física do ensino médio de uma escola da rede estadual pública de Uruguaiana-RS

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5007/2175-8042.2021.e83892

Resumo

Investigamos como o tema saúde é significado na cultura compartilhada por professores de Educação Física (EF) e estudantes do Ensino Médio de uma escola da Rede Estadual de Educação em Uruguaiana/RS. Para o trato teórico-metodológico utilizamos as lentes da etnografia crítica para compreender a realidade particular do contexto cultural da EF escolar a partir das relações didático-metodológicas entre estudantes e professores, adotando cuidados éticos. O trabalho de campo envolveu a observação, registros no diário de campo, entrevistas semiestruturadas, diálogos e análise documental, tendo a duração de 15 meses. A análise foi desenvolvida ao longo da pesquisa, respeitando a triangulação das informações e preservando os pressupostos de validez interpretativa. Os significados de saúde compartilhados na cultura de EF da escola Rio Uruguai estão ancorados num modelo biomédico de saúde, alinhados a uma lógica individualizante que não dialoga com a formação de uma juventude crítica.

Biografia do Autor

Mauren Lúcia Braga de Araújo, UNIPAMPA

Professora Adjunta do Curso de Licenciatura em Educação Física da Universidade Federal do Pampa, pesquisadora do Grupo de Pesquisa Didática e Metodologia do Ensino na Educação Física DIMEEF- UFRGS, pesquisadora coordenadora do Núcleo de Estudos Pedagógicos em Educação Física -NEPEF- UNIPAMPA. Atuou como coordenadora de Área do PIBID 2014-2018 - Educação Física da UNIPAMPA. Doutora pelo Programa de Pós-Graduação em Ciências do Movimento Humano da UFRGS (2020). Mestra em Saúde Coletiva pela ULBRA (2008) e especialista em Saúde Coletiva pela ULBRA (2006). Graduada em Educação Física - Licenciatura plena- pela Universidade Luterana do Brasil (2002). Experiência na área de Educação Física e Saúde Coletiva, atuando nos seguintes temas: Cultura Escolar, Didática e Métodos de ensino da Educação Física, Etnografia e Atividade Física e Saúde Pública.

Fabiano Bossle, Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS)

Professor Associado da Escola de Educação Física, Fisioterapia e Dança (ESEFID) da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Professor Permanente do Programa de Pós-Graduação em Ciências do Movimento Humano atuando na linha de pesquisa Formação de Professores e Prática Pedagógica. Pós-doutorado em Ciências do Movimento Humano pela UFRGS (2010); Doutorado em Ciências do Movimento Humano pela UFRGS (2008); Mestrado em Ciências do Movimento Humano pela UFRGS (2003); Graduado em Educação Física - Licenciatura plena - pelo IPA (1991). Coordenador do Grupo de Pesquisa Didática e Metodologia do Ensino na Educação Física (DIMEEF/UFRGS). Experiência na Área de Educação Física, com ênfase em Educação Física Escolar, atuando principalmente nos seguintes temas: Paulo Freire, Educação Física Escolar Crítico-Libertadora, Educação Crítica e Educação Libertadora, Etnografias e Autoetnografias Críticas.

Referências

APPLE, Michael W. Educating the "right" way: markets, standards, god and inequality. 2. ed. New York: Routledge, 2006.

ARAÚJO, Samuel Nascimento; ROCHA, Leandro Oliveira; BOSSLE, Fabiano. Sobre a Cultura monoesportiva no Ensino da Educação Física na escola. Pensar a Prática (online), v. 21, p. 824-835, 2018.

BAUMAN, Zygmunt. Modernidade e ambivalência. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 1999.

BAUMAN, Zygmunt. Modernidade Líquida. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 2001.

BRACHT, Valter. A Educação Física escolar no Brasil: o que ela vem sendo e o que pode ser (elementos de uma teoria pedagógica para a Educação Física). Ijuí: Ed. Unijuí, 2019.

FREIRE, Paulo. Pedagogia da Autonomia: saberes necessários à prática educativa. 29ª ed. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 2004.

FREIRE, Paulo. Pedagogia do oprimido. São Paulo: Paz e Terra, 2016.

GEERTZ, Clifford. A Interpretação das Culturas. Rio de Janeiro: Zahar, 2015.

HINO, A.A.F.; REIS, R.S.; ROMÉLIO, C.; ANEZ, R. Observação Dos Níveis De Atividade Física, Contexto Das Aulas e Comportamento Do Professor Em Aulas De Educação Física Do Ensino Médio Da Rede Pública. Rev Bras Ativ Fís e Saúde, 12(13): 21---30, 2010.

KREMER, M.M.; REICHERT, F.F.; HALLAL, P.C. Intensidade e duração dos esforços físicos em aulas de educação física. Rev Saude Pública, 46(2):320---6, 2012.

MEDEIROS, Tiago Nunes ; PELISSER, Maiara ; LEMOS, Caroline de Oliveira ; CUNHA, Felipe Martins ; BOSSLE, Fabiano . O esporte no currículo da Educação Física escolar: um estudo de revisão bibliográfica nos periódicos da Capes. Corpoconsciência (São Paulo), v. 22, p. 73-84, 2018.

MELLO, Júlio Brugnara Et al. Associação da aptidão cardiorrespiratória de adolescentes com a atividade física e a estrutura pedagógica da educação física escolar. Revista Brasileira de Ciências do Esporte [online]. 2019, v. 41, n. 4 [Acessado 14 Julho 2021], pp. 367-375. Disponível em: https://doi.org/10.1016/j.rbce.2018.03.033 Epub 13 Dez 2019. ISSN 2179-3255. https://doi.org/10.1016/j.rbce.2018.03.033

SANTOS, Boaventura de Souza. Um discurso sobre as ciências. 3ª ed, São Paulo: Cortez, 2005.

SOARES, Carmen Lúcia. Educação Física: Raízes Européias e Brasil (5a.ed.). Campinas: Autores Associados, v. 1. 119 p, 2012.

SOARES, Carmen Lúcia; TAFFAREL, Celi N.Z. ; VARJAL, E. ; CASTELLANI FILHO, L. ; ESCOBAR, M. O. ; BRACHT, V. . Metodologia do Ensino de Educação Física. 1a.. ed. São Paulo: Cortez Editora, 1992.

Downloads

Publicado

2022-04-19

Edição

Seção

Artigos Originais