Disputas agrárias no fim dos Setecentos: a área Central da Mata mineira (1767-1800)

Fernando Gaudereto Lamas

Resumo


A intenção desse artigo é discutir as variadas formas de disputas em torno da terra ocorridas na área Central da Zona da Mata de Minas Gerais a partir da data oficial de sua ocupação (1767) e o final do século XVIII. Tais disputas foram ocasionadas especialmente pelas distintas formas de ocupação do solo (compra/venda, sesmarias e posse). Os resultados dessas disputas mostram a importância da presença da administração colonial (atuando como mediadora dos conflitos), assim como indica-nos questões referentes à peculiaridade nas formas de aquisição de terras na capitania de Minas durante os Setecentos.


Palavras-chave


Área Central da Zona da Mata mineira; século XVIII; disputas em torno da terra

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5007/1984-9222.2012v4n8p26

  

 

Directory of Open Access Journals

 

          

rcaap_logo Back to Home: Electronic Journals Library