Apresentação

Autores

  • Marcelo Mac Cord Universidade Estadual de Campinas, Brasil
  • Osvaldo Batista Acioly Maciel

Resumo

Apresentação do dossiê "Os trabalhadores e o mutualismo".

Referências

BATALHA, Claudio H. M. A historiografia da classe operária no Brasil: trajetórias e tendências. In: FREITAS, Marcos Cezar de (org.). Historiografia Brasileira em Perspectiva. São Paulo: Contexto, 2003, p. 145-158.

BATALHA, Claudio H. M. Sociedades de trabalhadores no Rio de Janeiro do século XIX: algumas reflexões em torno da formação da classe operária. Cadernos AEL: sociedades operárias e mutualismo, v. 6, n. 10-11, p. 41-68, 1999.

BATALHA, Claudio H. M. Identidade da classe operária no Brasil (1880-1920): atipicidade ou legitimidade? Revista Brasileira de História, v. 12, p. 111-124, set. 1991/ago. 1992.

CHALHOUB, Sidney; FONTES, Paulo. História Social do Trabalho, História Pública. Perseu: História, Memória e Política, n. 4, ano 3, p. 219-228, 2009.

THOMPSON, E. P. A formação da classe operária inglesa: a árvore da liberdade. V. 1. 3ª. ed., Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1997.

LARA, Silvia Hunold. Escravidão, cidadania e história do trabalho no Brasil. Projeto História, n. 16, p. 25-38, 1998.

LINDEN, Marcel van der (ed.). Social security mutualism: the comparative history of mutual benefit societies. Berm; Berlin; Frankfurt; New York; Wien: Peter Lang, 1996.

NEGRO, Antonio Luigi e GOMES, Flavio dos Santos. Além de Senzalas e Fábricas: uma história social do trabalho. Tempo Social: Revista de Sociologia da USP. São Paulo, v. 18, n. 1, p. 217-240, 2006.

RODRIGUES, José Albertino. Sindicato e desenvolvimento no Brasil. São Paulo: Difusão Européia do Livro, 1968.

Downloads

Publicado

2011-03-11

Como Citar

MAC CORD, Marcelo; MACIEL, Osvaldo Batista Acioly. Apresentação. Revista Mundos do Trabalho, Florianópolis, v. 2, n. 4, p. 1–11, 2011. Disponível em: https://periodicos.ufsc.br/index.php/mundosdotrabalho/article/view/18428. Acesso em: 12 jul. 2024.