Tradução e autoria: de Schleiermacher a Venuti

Autores

  • Luana Ferreira de Freitas Universidade Federal de Santa Catarina

DOI:

https://doi.org/10.5007/2175-7968.2008v1n21p95

Palavras-chave:

Tradução, Autoria, Estratégia, Intervenção

Resumo

Este artigo é a continuação de uma discussão anterior acerca da autoria como concebida por Lawrence Venuti. O modelo de tradução proposto por Venuti para redefinir o prestígio do tradutor buscando a sua visibilidade foi lançado por Schleiermacher no século XIX. O artigo analisa a concepção de tradução proposta por Schleiermacher e apropriada por Venuti e faz um exame das divergências de fundamentos, metas e contingências que sustentam ambas argumentações de intervenção consciente na prática da tradução.

Biografia do Autor

Luana Ferreira de Freitas, Universidade Federal de Santa Catarina

Possui graduação em Letras - Tradução inglês e português, na Universidade de Brasília, em 1998; o mestrado em Lingüística Aplicada, na mesma instituição, em 2003 e o doutorado em Teoria Literária, na Universidade Federal de Santa Catarina, em 2007. Atua na área de letras, pesquisando literatura inglesa do século XVIII (sobretudo a obra de Laurence Sterne) e Estudos da Tradução (especialmente autoria, tradução literária e estilo, literatura brasileira traduzida e literatura estrangeira traduzida no Brasil).

Mais informações: Currículo Lattes - CNPq.

Downloads

Publicado

2008-11-14

Edição

Seção

Artigos