Levar um Poema Brasileiro ao Alemão

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5007/2175-7968.2021.e84073

Palavras-chave:

Poema, Brasil, Alemanha, Tradução

Resumo

Levar um Poema Brasileiro ao Alemão

Biografia do Autor

Mel Duarte

A escritora, poeta, slammer e produtora cultural nasceu na primavera de 1988 em São Paulo (SP) e atua com literatura desde 2006. Publicou os livros “Fragmentos Dispersos” (2013), “Negra Nua Crua” (2016, editora Ijumaa) traduzido para o espanhol “Negra Desnuda Cruda” (2018, ediciones ambulantes, Madrid, ES), “As bonecas da vó Maria” (2018, Itaú leia para uma criança), “Querem nos calar: Poemas para serem lidos em voz alta” (2019, Editora Planeta), “A descoberta de Adriel” (2020, Itaú leia para uma criança) e o mais recente “Colmeia: Poemas reunidos” (2021. 

 

Matheus Barreto, Universidade de São Paulo

Matheus Guménin Barreto (1992, Cuiabá) é poeta, tradutor e doutorando na USP e na Universidade de Leipzig.

Monika Rinck

Nasceu em 1969, se destaca por conteúdos contundentes e formas lúdicas. Uma das inteligências mais ativas da cena poética berlinense, Rinck é presença constante em festivais e tem recebido numerosos prêmios. Nos últimos anos, a poeta, tradutora e prosadora Monika Rinck tem se estabelecido como uma das vozes mais fortes de sua geração.

Telma Scherer, Universidade Federal de Santa Catarina

Professora do Departamento de Língua e Literatura Vernáculas da UFSC, na área de Literatura Brasileira. Possui bacharelado e licenciatura em Filosofia pela UFRGS, e bacharelado em Artes Visuais pela UDESC. Doutora em Teoria Literária (UFSC), com doutorado-sanduíche na Universidade do Porto (Instituto de Literatura Comparada Margarida Losa, 2015 financiado pela CAPES/PDSE). A tese intitulada "A performance ressoa no poema: corpografias de Ricardo Aleixo" foi defendida em fevereiro de 2016. Mestra em Literatura Comparada pela UFRGS (2003), com a dissertação "Exercícios do tempo: Dias Felizes e Esperando Godot, de Samuel Beckett; O Marinheiro, de Fernando Pessoa". Atuou como professora colaboradora na UDESC, na área de Pintura. Realizou estágio de pós-doc na mesma instituição, na área de Processos Artísticos Contemporâneos. Poeta, performer e ministrante de oficinas, com experiências em programações culturais de instituições como o SESC-SC e SESC-RS, a partir de 2006. Trabalhou em três edições da Bienal do Mercosul e em eventos da Prefeitura de Porto Alegre (Descentralização da Cultura e Coordenação do Livro e da Literatura), encontros literários da Livraria Saraiva, entre outros.

Katharina Scheerer

Doutoranda da WWUniversität-Münster. Tradutora, editora de revistas culturais.

Edimilson de Almeida Pereira

Possui Graduação em Letras Vernáculas pela Universidade Federal de Juiz de Fora (1985), Mestrado em Literatura Portuguesa (Letras Vernáculas) pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (1990), Mestrado em Ciência da Religião pela Universidade Federal de Juiz de Fora (1996), Doutorado em Comunicação e Cultura pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (2000) e Pós-doutorado em Literatura Comparada (2002) pela Universidade de Zurique. Atualmente é professor titular da Faculdade de Letras, na Universidade Federal de Juiz de Fora. Tem experiência na área de Antropologia, com ênfase em Cultura e Identidade, atuando principalmente nos seguintes temas: literatura brasileira poesia, cultura afro-brasileira imagens/ identidades, cultura popular tradição modernidade, literatura juvenil e infanto-juvenil.

Cândice Cristina Guzmán Miranda, Universidade Federal de Juiz de Fora

Graduada em Letras Alemão pela Universidade Federal de Santa Catarina. Participa do grupo de estudos do cnpq LITHISTRAD Durante o período de 2016.2 teve a oportunidade de estudar disciplinas em língua alemã relacionadas ao curso Letras Alemão, na Pädagogische Hochschule Weingarten, com uma bolsa de estudos da Baden-Württemberg-STIPENDIUM. Pesquisa uma coletânea de poemas do autor alemão Joachim Ringelnatz (1883-1934), com orientação de Maria Aparecida Barbosa, concentrando-se em dois aspectos quais sejam a musicalidade e a itinerância observadas naquela coleção de poemas de Ringlenatz, além do estudo do personagem-marinheiro Kuttel Daddeldu.

Melanie Strasser

É formada em Filosofia e em Estudos da Tradução pela Universidade de Viena, com intercâmbios na Faculdade de Letras na Universidade do Porto, e na Pós-Graduação em Estudos da Tradução (PGET) na Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC).  Atualmente é doutoranda no Departamento em Estudos Românicos da  Universidade de Viena. É tradutora literária.

Elisângela dos Santos Faustino Röder, Universidade Federal de Santa Catarina

Possui graduação em Letras Alemão pela Universidade Federal de Santa Catarina (2017), graduação em historia pela Universidade Federal de Santa Catarina (2006) e mestrado em Ciência da Informação pela Universidade Federal de Santa Catarina (2011). Atualmente é tutora da Fundação Universitária Iberoamericana - Florianópolis.

Downloads

Publicado

2021-09-30