Da política de proletarização à ANL: o Partido Comunista do Brasil entre 1930 e 1935

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5007/1984-9222.2022.e88186

Palavras-chave:

Partido Comunista do Brasil, proletariado, década de 1930

Resumo

Tendo como recorte temporal o Brasil do Governo Provisório de 1930 à Insurreição Nacional Libertadora de 1935, este artigo procura situar a inserção dos comunistas no movimento operário e sindical e em movimentos mais amplos, assim como a participação proletária nos órgãos dirigentes partidários, a partir de documentação da III Internacional Comunista e dos arquivos da repressão brasileira, respectivamente pesquisados pelos autores nos acervos do
Arquivo Edgar Leuenroth (AEL) da UNICAMP e do Arquivo Público do Estado do Rio de Janeiro (APERJ), entre outras fontes, em diálogo com parte da historiografia.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Diorge Alceno Konrad, Departamento de História da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM)

Possui graduação em Licenciatura Plena em Historia pela Universidade Federal de Santa Maria (1988), mestrado em Historia do Brasil pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (1994) e doutorado em Historia Social do Trabalho pela Universidade Estadual de Campinas (2004). Atualmente é membro da Comissão e do Conselho Editorial de "História & Luta de Classes" e do Conselho Editorial da "Crítica Marxista", membro dos GTs Mundos do Trabalho e História e Marxismo da ANPUH-RS. Professor Titular da Universidade Federal de Santa Maria, no Departamento e no Programa de Pós-Graduação em História.

Glaucia Vieira Ramos Konrad, Universidade Federal de Santa Maria

Doutora em História Social do Trabalho pela Universidade Estadual de Campinas (Unicamp). Professora Associada dos Programas de Pós-Graduação em História e Patrimônio Cultural e do Departamento de Arquivologia da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM).

Referências

ÁLVARO Ventura. Dicionário Histórico Biográfico Brasileiro pós 1930. 2ª ed. Rio de Janeiro: FGV, 2001.

AMAZONAS, João. 1935: assim se conta a história (a verdade sobre 35). Princípios, n. 31. São Paulo: Anita Garibaldi, p. 11-13, nov./dez. 1993/jan. 1994.

AMAZONAS, João; GRABOIS, Maurício. 50 anos de luta. In: Em defesa dos trabalhadores e do povo brasileiro. Documentos do PCdoB de 1960 a 2000. São Paulo: Anita Garibaldi, 2000

BARROS, Luirtgarde O. C. (org.). Octávio Brandão. Centenário de um militante na memória do Rio de Janeiro. UERJ/Cultural - SR3 /APERJ, 1996.

BRANDÃO, Gildo Marçal. A esquerda positiva. As duas almas do Partido Comunista - 1920/1964. São Paulo: Hucitec, 1997.

CANALE, Dario. A Internacional Comunista e o Brasil (1920-1935) In: TAVARES, José Nilo (org.). Novembro de 1935: meio século depois. Petrópolis: Vozes, 1985.

CARONE, Edgard. O PCB (1922 a 1943). Vol. 1. São Paulo: DIFEL, 1982.

DULLES, John Foster. Anarquistas e comunistas no Brasil. 2ª ed. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1977.

KONRAD, Diorge Alceno. 1935: a Aliança Nacional Libertadora no Rio Grande do Sul. Dissertação (Mestrado em História do Brasil) – Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 1994.

KONRAD, Diorge Alceno. 1930-1935 – do isolamento inicial à grande ação de massas com a Aliança Nacional Libertadora. In: RUY, José Carlos; BUONICORE, Augusto Cézar. Contribuição à História do Partido Comunista do Brasil. 2ª ed. São Paulo: Anita Garibaldi/Fundação Maurício Grabois, 2012.

MINERVINO de Oliveira. In: Dicionário Histórico Biográfico Brasileiro pós 1930. 2ª ed. Rio de Janeiro: FGV, 2001.

MOREIRA, Raimundo Nonato Pereira. Antônio Maciel Bonfim (Miranda): um esboço biográfico. Revista Brasileira de História, v. 36, n. 72, p. 173-194, 2016.

PANDOLFI, Dulce. Camaradas e companheiros. História e memória do PCB. Rio de Janeiro: Relume Dumará, 1995.

PINHEIRO, Paulo Sérgio. Estratégias da ilusão. A Revolução mundial e o Brasil, 1922-1935. São Paulo: Companhia das Letras, 1991.

PRESTES, Anita Leocádia. Luiz Carlos Prestes e a Aliança Nacional Libertadora. Os caminhos da luta antifascista no Brasil (1934/1935). Petrópolis: Vozes, 1997.

ROBERTO Morena. In: Dicionário Histórico Biográfico Brasileiro pós 1930. 2ª ed. Rio de Janeiro: FGV, 2001.

SANTOS, Hamilton Moraes Theodoro dos. Anarquismo e formação do Partido Comunista do Brasil (PCB). Dissertação (Mestrado em História) - Programa de Pós-Graduação em História, Universidade Salgado de Oliveira, Niterói, 2014, p. 234.

SODRÉ, Nelson Werneck. Contribuição à História do PCB. São Paulo: Global, 1984.

VIANNA, Marly de Almeida Gomes. Revolucionários de 1935. Sonho e realidade. São Paulo: Companhia das Letras, 1992.

Downloads

Publicado

2022-12-02

Como Citar

KONRAD, . A.; VIEIRA RAMOS KONRAD, . Da política de proletarização à ANL: o Partido Comunista do Brasil entre 1930 e 1935. Revista Mundos do Trabalho, Florianópolis, v. 14, p. 1–21, 2022. DOI: 10.5007/1984-9222.2022.e88186. Disponível em: https://periodicos.ufsc.br/index.php/mundosdotrabalho/article/view/88186. Acesso em: 2 fev. 2023.

Edição

Seção

Dossiê: O PCB e os mundos do trabalho

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)