No rastro de Jararaca: produção cultural e engajamento político na trajetória de um artista popular pioneiro

Autores

  • Alexandre Fortes UFRRJ
  • Flavia Ribeiro Veras Doutoranda, CPDOC-FGV

DOI:

https://doi.org/10.5007/1984-9222.2016v8n15p11

Palavras-chave:

Música Popular Brasileira, Trabalhadores do palco, Comunismo

Resumo

O artigo analisa a trajetória de José Luiz Rodrigues Calazans, o Jararaca, – um dos pioneiros na constituição do gênero musical sertanejo – como um elemento de conexão entre diferentes cenas culturais nacionais e internacionais. Reflete ainda sobre as características do engajamento político do artista e o significado de sua vinculação ao Partido Comunista do Brasil (PCB).

Biografia do Autor

Alexandre Fortes, UFRRJ

Departamento de História - Instituto Multidisciplinar

Programa de Pós-Graduação em História

Flavia Ribeiro Veras, Doutoranda, CPDOC-FGV

Doutoranda, CPDOC-FGV

Referências

BARROS, Orlando de. A guerra dos artistas. Dois episódios da história brasileira durante a Segunda Guerra Mundial. Rio de Janeiro: E-papers, 2010.

CALAZANS, J. L (Jararaca). Do sertão. São Paulo: Comp. Editora Nacional, 1928.

FALCÃO, João. O Brasil e a Segunda Guerra Mundial: testemunho e depoimento de um soldado convocado. Brasília: Editora UnB, 1998.

GUIMARÃES, Valéria Lima. "O PCB cai no samba: os comunistas e a cultura popular (1945 -1950)". (Dissertação de Mestrado, UFRJ/IFCS-PPGHIS, 2001).

OLIVEIRA, Luiz Eduardo de. “A Tribuna Popular e a orientação do PCB para o movimento sindical do Rio de Janeiro nos primeiros anos da experiência democrática brasileira (1945-1946)”. Anais do XXVI Simpósio Nacional de História – ANPUH. São Paulo, julho de 2011.

PANDOLFI, D. C. Camaradas e Companheiros: História e Memória do PCB. Rio de Janeiro: Relume Dumará, 1995.

PARANHOS, Adalberto. “Entre sambas e bambas: vozes destoantes no ‘Estado Novo’". Locus (UFJF), v. 13, p. 179-192, 2007; SIQUEIRA, Magno Bissoli. Samba e identidade nacional: Das origens à Era Vargas. São Paulo: Unesp, 2012.

PINHEIRO, Marcos César de Oliveira. "O PCB e os comitês populares democráticos na cidade do Rio

de Janeiro (1945 1947)". (Dissertação de Mestrado, UFRJ/IFCS-PPGHIS, 2007).

PRIORE, Mary Del. “Biografia: quando o indivíduo encontra a história”. Topoi, v. 10, n. 19, jul.-dez. 2009.

RODRIGUES, Sonia Maria Braucks Calazans. Jararaca e Ratinho – A famosa dupla caipira. Funarte: Rio de Janeiro, 1983.

SALVADOR, Roberto. “Humor no velho rádio: Uma crônica do cotidiano brasileiro. http://aeradoradioteatro.blogspot.com.br/2013/11/humor-no-velho-radio-uma-cronica-do.html.

VERAS, F. R. 2014. Tablado e Palanque – A formação da categoria profissional dos artistas no Rio de Janeiro (1918 – 1945). Saarbrücken: Novas edições acadêmicas, 2014.

WISNIK, J. M. “Getúlio da Paixão Cearense: Villa-Lobos e o Estado Novo”. In: SQUEFF, E.; WISNIK, J. M. O nacional e o popular na cultura brasileira música. 2ª ed. São Paulo: Brasiliense, 1983.

Downloads

Publicado

2017-02-06